Americano é preso por atrasar devolução de livro desde 2010

Um juiz de Copperas Cove (Texas, EUA) determinou a prisão de Jory Enck na semana passada depois que autoridades descobriram que ele retirara um livro na biblioteca da cidade em 2010 e não devolvera.

A lei de prisão para casos como os de Jory foi aprovada recentemente na pequena cidade. Atrasos de mais de 90 dias serão punidos com detenção.

O magistrado Bill Price disse que a lei foi aprovada porque a cidade está gastando muito dinheiro para repor os livros que não são devolvidos pelos moradores.

Um dia após a prisão de Jory, o livro foi devolvido à biblioteca. O detido pagou fiança de R$ 440 e foi solto. (O Globo)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.