Após decisões judiciais, prefeitura de Salvador garante implantação de pênis a pacientes

Por João Brandão
Após decisões judiciais, prefeitura de Salvador garante implantação de pênis a pacientes

Ilustração: Veridiana Scarpelli/SAÚDE é Vital

Após duas decisões judiciais, a prefeitura de Salvador terá que desembolsar R$ 205 mil para implantar pênis semi-rígidos em pacientes.

De acordo com o Diário do Município desta terça-feira (22), em uma delas, o Executivo municipal vai pagar R$ 163 mil ao Hospital Santa Izabel para, além de implantar o pênis, colocar a esfíncter artificial.

Já no caso do segundo paciente, a prefeitura vai pagar ao mesmo hospital a quantia de R$ 42 mil. Os nomes dos pacientes foram mantidos em sigilo. (BN)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *