Bivar seria vice melhor do que Magno Malta

Bivar preside o PSL e está totalmente identificado com as teses do economista Paulo Guedes

A bancada evangélica que apoia Bolsonaro lançou uma campanha pelas redes sociais em favor do senador Magno Malta (PR-ES) para a vaga de vice. O senador é evangélico, polêmico e desbocado. E começou a ser apontado como vice no dia da filiação de Bolsonaro ao PSL. Uma claque evangélica o recebeu na Câmara Federal aos gritos de “vice, vice, vice”. Dia seguinte, ao ser questionado sobre isto, o senador respondeu: “A minha vida está nas mãos de Deus. Do meu futuro não sei. A única coisa que sei é que o futuro presidente será Bolsonaro, eu de vice ou não”. Por aí deu a entender que não faz dessa candidatura uma obsessão. Por isso talvez fosse mais produtivo para Bolsonaro pôr Luciano Bivar na vaga de vice.

Bivar é deputado federal, preside o PSL, é um empresário bem sucedido, tem livros publicados sobre o liberalismo, é leve no trato com os adversários e está totalmente identificado com as teses do economista Paulo Guedes, que elabora o plano de governo do candidato. Bolsonaro está em segundo lugar nas pesquisas de opinião e não se deve afastar a hipótese de ser eleito. Sendo assim, não deveria entregar a vaga de vice a qualquer um, pois os homens são mortais. A única desvantagem para ele é que ficaria uma chapa “puro sangue” (PSL + PSL). Mas entre Magno Malta e Bivar, Bolsonaro, se tiver juízo, fará opção por este último.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *