Bolsonaro posa diante do tríplex no Guarujá, símbolo da fake news de Moro que destruiu o país

 

(Foto: Reprodução | Reuters)

Jair Bolsonaro e seu aparato de segurança estatal-miliciano montaram uma cena no Guarujá que é simbólica de todo o processo de destruição nacional aberto com o golpe de Estado de 2016 e que culminou com sua eleição: posou nesta segunda-feira (24) em cima de uma moto diante do edifício Solaris, onde está o tríplex atribuído falsamente por Sergio Moro e sua Lava Jato ao ex-presidente Lula.

Bolsonaro escolheu o Guarujá para seu  carnaval de estilo populista-fascista no qual aparece aqui e ali cercado de admiradores e admiradoras. Apesar de ser o grande alvo do Carnaval do “Fora Bolsonaro”, ele está evitando o confronto com a festa popular, depois do grotesco episódio do “golden shower” que marcou sua presença no Carnaval de 2019, no início de seu governo.

Apesar de toda a imagem de popularidade que busca projetar em sua passagem pelo Guarujá, um vídeo postado pelo próprio Bolsonaro de um passeio na “Bolsomoto”, como ele apelidou a motocicleta em que tem circulado, mostra que nas paradas há tantos seguranças quanto “populares”.

Veja:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *