Delegados da PF não gostaram da nomeação do novo diretor-geral e se dizem decepcionados com ministro da Justiça

Delegados da PF falam em decepção com novo ministro da Justiça, Anderson Torres e demonstram receio com prejuízo à imagem de independência da força

Polícia Federal
Polícia Federal (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

O novo diretor-geral da Polícia Federal, Paulo Maiurino, escolhido pelo ministro da Justiça,  Anderson Torres, é visto com desconfiança pela corporação.

Quadros da Polícia Federal se disseram decepcionados com o ministro da Justiça pelo anúncio do novo diretor-geral. O escolhido para o cargo, Paulo Maiurino, está fora da PF desde 2009, ocupando funções políticas.

Segundo o Painel da Folha de S.Paulo, a decisão do ministro da Justiça causa preocupação com a imagem de independência da polícia. Delegados também apontam que, pelo tempo fora, Maiurino não tem história na PF para ter chegado ao posto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *