Durante encontro, PT de Juazeiro decide por candidatura própria

A comemoração foi geral

Da Redação

Durante o Encontro de Tática Eleitoral, realizado na manhã de ontem (29), no auditório da Câmara de Juazeiro, a Presidente do Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores (PT), em Juazeiro, Josimeire Pinheiro, popularmente conhecida como Meirinha, confirmou a candidatura própria do PT para as eleições de outubro. “Cumprimos todos os prazos e regulamentos, por unanimidade foi aprovada a candidatura própria do partido”.

Segundo Meirinha, com a definição da candidatura própria, o partido agora abre um prazo de cinco dias para inscrição dos nomes que pretendem concorrer no pleito deste ano em Juazeiro. “Se dois ou mais nomes se inscreverem, o PT realizará prévias, caso contrário, será homologado o nome do ex-prefeito Joseph Bandeira, único membro que até agora demonstrou total interesse em disputar as eleições”.

Gilberto Santana

Já o diretor de comunicação do PT em Juazeiro, Gilberto Santana afirmou que o resultado já era esperado pelos juazeirenses. “O resultado já era esperado pelo povo de Juazeiro, a definição do partido dos trabalhadores é protagonista no cenário nacional, estadual, e aqui em Juazeiro pelas circunstancia do atual governo de não estarem próximos do modo petista de governar, não iria ser diferente”.

Questionado sobre o comportamento do secretário estadual do Partido dos Trabalhadores na Bahia, Osmar Galdino, o popular Jojó, em ter enviado carta para imprensa com graves acusações contra Joseph Bandeira, Gilberto disse que o secretário tem o direito de se manifestar e dizer a sua opinião. “Mas ele sabia que desde o inicio prevalecia à vontade do povo de Juazeiro, sem dúvida ele tentou desarticular e fazer com que o encontro não acontecesse, mas isso que aconteceu, fizemos o encontro e definimos a candidatura própria do partido”.

Sobre a carta enviada à imprensa, o ex-prefeito Joseph Bandeira afirmou que o Secretário Estadual não sabe o que está fazendo. “Espero que ele esteja sem saber o que está sendo feito, porque depois isso será concertado, acho que ele está querendo puxar para si uma briga que não é dele. Aqui ninguém quer brigar com ninguém, é tanto que ninguém aqui anda falando mal do prefeito de Juazeiro. Ele está baixando nível, fiz minha parte e estou defendendo o PT e o meu projeto não é pessoal, agora não posso aceitar que alguém possa me afastar da vida pública assim, ele que comparar detalhes, compare o governo como um todo. Agora se ele faz criticas relacionadas a minha administração, por outro lado está sendo insensato porque ele fez parte do governo’, disparou.

Joseph Bandeira

Por outro lado, Joseph questionou algumas obras que ainda não foram feitas e afirmou que muitas obras foram realizadas na época em que era prefeito. “Esse cara vai ser humilhado, há 30 anos meus opositores atiram em mim para matar e eu estou inteiro”, disse. Sobre a avaliação da atua administração, ele foi sucinto. “Quando o PT disser o nome do candidato ou candidata e se o meu nome for escolhido eu te dou uma entrevista em primeira mão. Estou aberto para conversar com todos”.

Na ocasião o assessor teceu criticas contra a atual administração do prefeito Isaac Carvalho (PCdoB). “Juazeiro não aguenta mais um governo de contradições, governo este que recebeu muito e fez pouco, quando ele prometeu a mudança ela veio, mas o povo não sabia que era para pior, a cidade está um verdadeiro caos. Com a candidatura própria do nosso partido Juazeiro receberá um político comprometido com a cidade”.

Com relação às denuncias divulgadas no programa Revista da Cidade/Waltermário Pimentel, onde as pessoas que não defendiam a candidatura própria estariam ganhando dinheiro da prefeitura, Gilberto fez os seguintes esclarecimentos. “As pessoas falam o quer, é preciso ter responsabilidade coma nossa fala, mas uma luta como essa há uma tentativa no campo da argumentação de fragilizar as pessoas. Eu acredito que a influencia do poder econômico e político possa ter entrado em cena, mas eu não posso acusar o prefeito e nem membros da prefeitura por isso porque são fatos que eu não posso comprovar”.

Josimeire Pinheiro

Com relação à ausência da outra parte do PT que não compareceu ao encontro, Joseph foi direto. “Fizemos tudo aberto, até as pessoas de outros partidos estavam aqui, só não votaram. Mudar isso é querer jogar o status de direito democrático pela janela, foram mais de 100 delegados e tudo isso ficou bem claro”.

O evento também contou com a presença de representantes da Executiva Estadual e da Executiva Nacional, que respaldaram o resultado do Encontro de Tática Eleitoral do PT em Juazeiro. No total estavam escritos 168 delegados, onde compareceram 100 delegados. “Nosso quorum para validade seria de 85, ultrapassamos o quorum, a partir daí começa as inscrições dos candidatos a pré-prefeito e dos pré-vereadores, onde já temos mais de 25 inscritos para vereador”, concluiu Meirinha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *