Emperrado nas pesquisas, Alckmin tem de se mexer

 

Empacado, Alckmin é estimulado a fazer vídeos e aumentar entrevistas

Com o tucano sob pressão e empacado nas pesquisas, auxiliares de Geraldo Alckmin (PSDB-SP) tentam convencê-lo a ampliar sua presença nas redes sociais e na imprensa. A ideia do time do presidenciável é lançar novos produtos para canais de internet, como o YouTube, e aumentar o número de entrevistas a rádios. Uma das propostas é gravar pelo país conversas do ex-governador com eleitores em ambientes comuns, como padarias. Os primeiros testes devem começar nesta semana.

Nas bancadas do PSDB, foi pesado o impacto da pesquisa recente do instituto MDA que registrou o crescimento da rejeição ao presidenciável tucano. A avaliação é a de que Alckmin está sendo visto como o nome do establishment n  uma eleição marcada pela repulsa à política.

Aécio dá corda

Aécio Neves (PSDB-MG), que restringiu sua atuação aos bastidores, tem repetido dentro e fora do tucanato que, mesmo com o cenário adverso, Alckmin tem chances. Como? Ele seria beneficiado pelo pragmatismo do eleitor.

 Para o mineiro, o voto da exclusão, aquele que leva à escolha de um nome pela rejeição maior à outra opção, muito tradicional nas disputas de segundo turno, desta vez se dará já na primeira etapa da corrida.  (DanielaLima – Folha de S.Paulo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *