Ex-vereador é preso por ameaçar irmã que se negou a indicá-lo a cargo na Prefeitura

O homem, que já responde por ameaça e crimes de trânsito, mandou um áudio falando que mataria a vítima e o companheiro dela

Viatura da Polícia Civil que levou o ex-vereador de Crateús preso por ameaçar irmã por ela se negar a indicá-lo a cargo na Prefeitura
Ele agora encontra-se à disposição do Poder Judiciário
Foto: Divulgação/SSPDS

Um ex-vereador de Crateús, de 43 anos, foi preso na última quinta-feira (24), suspeito de extorquir a irmã, ameaçando-a para que ela o indicasse a um cargo na Prefeitura da cidade. Diante das negativas dela, o homem mandou um áudio falando que mataria a vítima e o companheiro dela.

A captura foi realizada no município onde o homem exerceu a função de parlamentar, de acordo com a Secretaria da Segurança Pública, que divulgou o caso nesta quinta-feira (25), sem identificá-lo.

Também segundo a pasta, o homem foi preso depois que os policiais civis receberam a denúncia da vítima, relatando que ela estava sendo ameaçada pelo irmão para que o indicasse a um cargo na Prefeitura de Crateús.

Antecedentes criminais

Com as negativas dela, o homem, que já responde por ameaça e crimes de trânsito, mandou um áudio falando que mataria a vítima e o companheiro dela.

A Polícia Civil instaurou procedimento e representou pela prisão do homem. O mandado de prisão preventiva foi expedido pelo Poder Judiciário e, logo após, cumprido.

O suspeito ainda é alvo de investigação pelo crime de extorsão, artigo 158 do Código Penal, que prevê pena de reclusão de quatro a dez anos de reclusão e multa.

Fonte: Diário do Nordeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *