‘Fico muito triste quando leio que Silvio Santos está caducando’, diz Ana Paula Renault

Jornalista fala também dos novos desafios, da separação e do sonho realizado ao trabalhar no SBT

Por O Dia

Ana Paula Renault

Ana Paula Renault – Divulgação/Gabriel Cardoso/SBT
Esta colunista vai fazer uma confissão: Ana Paula Renault era a minha preferida para vencer a 16ª edição do ‘Big Brother Brasil’. Saiu na terceira semana com o bordão ‘olha elaaaa’ (ao retornar de um falso paredão) na boca do povo. Ali, Ana Paula já mostrava que não estava no mundo à passeio. A ex-BBB ainda entrou em outra reality: ‘A Fazenda’. Tretou com Nadja Pessoa (o que, vamos confessar, não é uma tarefa difícil) e diz que está processando a ex-mulher de D’Black. Hoje, ela brilha participando do ‘Triturando’, no SBT. Na entrevista a seguir, ela fala sobre as mudanças impostas por Silvio Santos, a briga com o ex-marido, ‘Fazenda’ e muito mais.
Já tem um mês que você entrou para o time de apresentadores do ‘Triturando’ e a gente queria saber como estão as coisas? Ainda sente frio na barriga?
Estou um pouco mais de um mês no ‘Triturando’ e o frio na barriga é recorrente porque o programa é ao vivo e tudo pode acontecer. Mas, ao mesmo tempo, eu tenho lá a Chris Flores, que é uma apresentadora com muito tempo de carreira, uma exímia jornalista e ela entrega pra a gente tudo com muita tranquilidade. Temos a Flor, que está no SBT há muitos anos e trabalhou com o Silvio Santos de perto. Ela sabe como o programa funciona e o (Gabriel) Cartolano, um querido que bate um bolão com todas nós. O frio na barriga existe, mas graças a Deus a gente tem um time muito bom e uma retaguarda incrível que nos deixam mais tranquilos para entregar ao público o melhor possível.
Dizem que Silvio Santos controla tudo e que ele foi quem escolheu para entrar no time. Você o conhece? Como é a sua relação com o dono do SBT?
Eu conheci o Silvio Santos quando fui participar de um quadro do programa dele chamado ‘Jogo dos Três Pistas’. Ele passou no camarim e aí eu senti um frio (risos). Ele é sumidade e eu sempre acompanhei os programas dele. Conversamos brevemente, tiramos fotos… Ah! Eu fiquei em segundo lugar na disputa e o Silvio até falou que eu voltaria. Extremamente educado e muito profissional. O meu contato foi esse. Não tive nenhum contato com o Silvio neste ano de 2020. Eu pude perceber que a mídia dá um floreada nessa coisa dele ligar e mudar tudo. Percebo que nós temos um diretor altamente capacitado e com uma larga experiência. Tem também o diretor artístico do SBT e eu vejo que todos estão tentando entender qual é esse novo público por conta da pandemia, o que esse público está buscando. O que a gente vê é que as pessoas estão tensas, não aguentam mais ver notícias tristes. A equipe do SBT, e eu incluo direção, produção e todo mundo, está procurando testar formatos e horários na grade para entender o que esse público quer. Ouvi que o Silvio Santos tem um carinho muito grande pelo ‘Triturando’ e pelo ‘Fofocalizando’, mas ele olha de perto toda a programação e percebo que a decisão é em conjunto com todo mundo. Eu fico muito triste quando leio que Silvio Santos está caducando e não bem assim. Se ele mandasse e desmandasse desse jeito, não precisaria dessa equipe que temos lá.
Você sempre falou que gostaria de trabalhar na televisão e também é jornalista formada. Como profissional que tipo de programa gostaria de ter para chamar de seu?
Eu sou jornalista formada e sempre sonhei em trabalhar na televisão. Sou uma telespectadora assídua dos canais abertos e agora que eu estou podendo vivenciar o que é fazer um programa ao vivo e diário, eu estou literalmente colocando o meu diploma para funcionar, para trabalhar. Eu estou muito, muito feliz com essa oportunidade. Ainda mais se pensarmos nessa crise que estamos vivendo. Eu estou na contramão do mundo! No momento em que está todo mundo reavaliando o lado profissional, com várias pessoas sendo demitidas e eu recebi esse convite! Não tem como avaliar o quanto eu estou agradecida e feliz pela oportunidade no SBT. Quem nunca sonhou ter um programa como da Hebe? A Hebe era Hebe e eu tenho muitas lembranças por causa da minha mãe. Ela já é falecida e eu me lembro ter essa memória da minha mãe de frente para a televisão e vendo o programa da Hebe às segundas.
A sua participação no ‘BBB’ foi considerada marcante e a gente queria saber por que uma mulher com personalidade forte não ganha um reality?
Eu não ganhei o reality porque eu fui expulsa (risos). Dizem que eu tinha tudo para vencer o ‘BBB 16’. Na época, eu até brinquei com a minha irmã: ‘semana que vem eu já estou de volta porque não tem a menor condição de eu ficar muito tempo. Eu vou lá conhecer a casa do ‘BBB’ e o Projac. Só que foi dando certo, o público foi tomando um carinho por mim. Eu sistematicamente indo para os paredões e salva pelo público. Eu acho que uma mulher com personalidade forte tem condições de ganhar um reality e qualquer coisa na vida. Acredito que ninguém quer mais aquela mulher engessadinha ainda mais eu que sou mineira. As mineiras tradicionais são treinadas para casar, saber cozinhar, costurar e tudo mais. Isso é passado! Essa sociedade machista e patriarcal já desmoronou. O lugar da mulher é onde ela quiser.
Tem vergonha de ser um ex-BBB? Te comanda ser lembrada por sister?
Não. Vergonha de que? Nada. Eu sou uma pessoa originalmente grata a tudo na vida até pelos maus momentos e o ‘BBB’ não foi um mau momento. Foi um divisor de águas! Eu estou aí graças ao programa. Me sinto honrada de ter feito parte de um programa muito difícil. Acho que agora as pessoas estão entendendo um pouquinho do que é um confinamento e lá é um confinamento extremo. Não tem uma janela para olhar os carros passando e são só aquelas pessoas estranhas para conviver 24 horas por dia. Única coisa legal de lembrar às pessoas é que antes de ser ‘BBB’, eu já era Ana Paula, eu tinha o meu CPF, formada e com duas pós-graduações. Sei que tem muito estigma de ex-BBB, mas acho que essa edição 20 veio para parar com isso, sabe? Entraram famosos e anônimos, pessoas altamente capacitadas e profissionais para acabar com esse preconceito. Preconceito em qualquer área é uma coisa ridícula e pequena.
Ainda fala com alguém da sua edição? ou com o Boninho ou Bial? Você continua ‘cancelada’ do grupo de whatsapp de ex-participantes?
Sim, o Ronan. Converso com ele direto. Não diariamente porque eu não converso com ninguém diariamente. Falo também com a Harumi Ishira e Cacau. Com Boninho e o Bial eu nunca tive contato. Soube, sim, que existe um grupão de ex-BBBs, mas eu jamais autorizaria alguém a passar o número do meu telefone para fazer parte desse grupo. Vou fazer parte de um grupo onde eu não conheço as pessoas pra quê?
O que aconteceu entre você a Munik Nunes que ela até torceu para Nadja Pessoa em ‘A Fazenda’?
Não sei para quem a Munik torceu, mas realmente ela não é minha amiga. Dentro da nossa edição, eu tinha um apreço total por ela, um carinho imenso e eu realmente a tinha como uma grande amiga, assim como o Ronan. Inclusive, nos chamavam de esquadrão suicida porque éramos muito próximos, mas quando saímos da casa não rolou amizade. A mãe dela sempre foi muita grata, tinha um carinho grande por mim, mas a Munik não. Nunca mais, pelo menos da parte dela, tivemos aquele olhar e aquela troca. A vida é assim. É cada um com a sua afinidade e coração.
E ‘A Fazenda’? Se arrependeu porque você disse logo depois da eliminação que queria que audiência afundasse?
Não me arrependo porque eu entrei bem mercenária, só pelo cachê. Quando eu disse que queria que a audiência afundasse, eu estava vivenciando um problema grave com a Nadja (Pessoa), que inventou uma mentira sem pé e nem cabeça que eu queria colocar o Chulapa na roça e isso não aconteceu. Se tem uma coisa que eu tenho pavor na vida é mentira e disse-me-disse. E aí eu pedi para o pessoal me colocasse na roça porque se o público quisesse um show de realidade, as pessoas não iriam corroborar com uma mulher que é capaz de qualquer coisa. Inventar uma situação do nada e ainda tinha colocado terceiros na confusão. Eu queria saber se estava passando tudo isso aqui fora, mas pelo jeito a mentira dela colou. Não me arrependo pelo cachê, mas me arrependo pelos desdobramentos que tiveram. Aconteceram muitas acusações e que eu estou tratando até hoje na Justiça.
A eliminação na terceira roça te frustrou? Acha que a edição te prejudicou?
Eu vou contar o que me falaram porque eu realmente não voltei a assistir nenhum episodio de ‘A Fazenda’. A minha questão foi um mentira, uma situação que inventaram e aí as pessoas me contaram que no perfil da Nadja e no do ex-marido dela soltaram um vídeo falso. O vídeo era completamente manipulado. Vou colocar mesmo na Justiça porque pra mim, a vida tem que ser levada em pratos limpos e as pessoas tem que arcar com aquilo que falam e ainda mais fazendo e veiculando vídeos para prejudicar outra pessoa. Tenho total consciência de que não teria como ganhar aquela ‘Fazenda’ e por isso foi muito bom ter saído na terceira semana. Quanto mais eu ficasse, maior seria o meu sacrifício. Saí na terceira semana e ganhei o meu cachê integral. O triste é ter que buscar na Justiça reparações de tudo o que aconteceu e que foi grave.
Ainda é amiga da Perlla? E o Evandro e Nadja?
Sim, sou amiga da Perlla e sou apaixonada. Ela tem um jeitinho especial por ser uma mulher meiga e ao mesmo tempo forte. Superou vários preconceitos e foi a precursora do funk! Eu tinha a música dela como toque do meu telefone (risos). Foi uma grata surpresa tê-la como companheira de reality e agora como amiga. Continuo muito amiga também da Gabi Prado, a Luane. Agora, Evandro, Nadja e Vida só nos tribunais e esses processos estão rodando.
E a sua separação de maneira tão inesperada. O que aconteceu?
Foi tudo tão inesperado e muito triste. Foi de uma maneira tão brusca que jamais imaginei esse tipo de problema porque a partir do momento que você resolve dividir a vida com uma pessoa, você acha que a conhece. Mas, infelizmente precisou até colocar advogados no meio. Graças a Deus, agora, as coisas estão se desenrolando, cada um está no seu lado e vivendo a sua vida. O que me deixou mais triste foi essa coisa de não poder resolver os seus próprios problemas e tive que acionar o advogado.
É verdade que ele te deixou dívidas?Como anda a situação?
Quem me conhece e me acompanha sabe que eu não sou muito de fazer stories ou gravar desabafo e naquele dia em que eu postei o vídeo, estava no meu limite. Eu tinha recebido umas mensagens da minha advogada que não estava conseguindo fazer um acordo e que talvez a gente precisaria passar por um litígio. Eu fiquei muito desesperada e fui falar nas redes sociais, coisa que eu nunca faço e acabou reverberando. Até foi bom. Deu uma sacolejada na cabeça dele e ele tomou consciência e percebeu que tinha que cumprir com as responsabilidades.
Você acha que assusta os homens?
Nunca gostei desse jargão de que mulheres fortes e independentes assustam os homens. Sabe por que? Porque homens de verdade não vão se assustar com uma mulher de verdade. Mesmo porque, um homem de verdade teve uma mãe de verdade, uma heroína. Uma mulher que trabalha, cuida dos filhos, faz dupla jornadas… Mulheres… Não, eu não acho que assusto os homens. Pelo contrário. Pessoas que querem relacionamentos verdadeiros buscam pessoas verdadeiras.
Já se relacionou ou teve alguma experiência com o mesmo sexo? Teria?
Acredita que não? Nunca tive e vou te dizer que eu gosto demais de homem. Eu gosto de cheiro de homem, mão de homem, barba de homem e eu gosto muito dessa figura masculina. Gosto de homem rústico. Não gosto de homem metrossexual. Eu teria problemas! Agora se eu teria um caso com uma mulher, eu não sei porque a única certeza que temos na vida é a morte. Mas, agora não. Continuo gostando muito de homem e acho interessante essas pessoas que estão em busca do amor. Elas não estão interessadas no sexo oposto e eu acho que eu não estou nesse nível de evolução.
O que mais te tira do sério?
Mentira. Foi o que eu vivenciei em ‘A Fazenda’ com uma mulher inventando coisas ao meu respeito. Mentira me desestabiliza mesmo. Não gosto de pessoas que puxam tapetes, desonestas e injustas. Tenho pavor.
Se eu fosse entrar na fila para pedir a Deus alguma coisa, eu pedira paciência. O que você pediria?
Eu tenho uma teoria assim: antes de descer para a Terra, nós passamos por várias filas e com certeza a da paciência deveria estar muito cheia e eu passei direto. Mas, se eu fosse pedir algo a Deus seria sabedoria. Com a sabedoria você saberia até como cultivar a paciência, a lidar com as pessoas mentirosas e com as maldades do mundo.
Qual é o seu maior desejo no momento como mulher?
Sinceramente, eu queria igualdade e respeito. Queria que as pessoas entendessem que a mulher é capaz de qualquer coisa, que o lugar da mulher é onde ela quiser. Esse discurso de que a mulher é louca, a mulher é desequilibrada e ela está de TPM reverberam. As pessoas compram esses discursos e utilizam para nos diminuir. Na verdade, todo mundo que quer diminuir o outro, tem medo. Os homens não nos escutam, nos interrompem e o recado que eu tenho para dar aos homens é que não tenham medo das mulheres.
Qual é o seu maior medo e sua maior conquista?
O meu maior medo é que o meu pai morra. Ele já tem 90 anos, mas eu morro de medo e até me emociono. Ele é muito importante pra mim. Perdi a minha mãe muito cedo. Eu era muito jovem e tenho o meu pai como exemplo e como segurança nessa Terra. Ele é uma figura incrível. Já a minha maior conquista é estar no SBT. Como já disse, eu assistia muito a emissora, assistia ‘Hebe’, ‘Porta da Esperança’, ‘Viva a Noite’, ‘Show de Calouros’ e eu sou muita grata de agora estar lá. Estou muito realizada e eu espero que eu possa continuar para aprender e evoluir como jornalista.

Galeria de Fotos

Ana Paula RenaultDIVULGAÇÃO/GABRIEL CARDOSO/SBT

Ana Paula RenaultDIVULGAÇÃO/GABRIEL CARDOSO/SBT

Ana Paula RenaultDIVULGAÇÃO/GABRIEL CARDOSO/SBT

Ana Paula RenaultDIVULGAÇÃO/GABRIEL CARDOSO/SBT

Ana Paula RenaultREPRODUÇÃO INSTAGRAM

Ana Paula Renault: expulsa após agressãoREPRODUÇÃO TV

Ana Paula Renault e PerllaAG. NEWS

À esq., Mion com Ana Paula Renault. Acima, com a mulher, Suzana, e os filhos Romeu, Donatella e Stefano. Abaixo, selfie dos peões e Mion na sede em momento saia justaREPRODUÇÃO

Marcos Mion e Ana Paula Renault, terceira eliminada de ‘A Fazenda’REPRODUÇÃO

Ana Paula e Vida Vlatt protagonizaram momentos de tensão durante o talk showEDU MORAES / RECORD TV

Ana Paula Renault explica porque saiu antes da festa de ‘A Fazenda’REPRODUÇÃO INTERNET

Nadja Pessoa, Ana Paula Renault e Evandro Santo estão na roçaREPRODUÇÃO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *