Folha questiona: até quando Eduardo Bolsonaro abusará da paciência republicana?

 

Eduardo Bolsonaro, Patrícia Campos Mello e Hans River
Eduardo Bolsonaro, Patrícia Campos Mello e Hans River (Foto: Eduardo Bolsonaro, Patrícia Campos Mello e Hans River)

A Folha de S. Paulo publica editorial nesta quinta-feira em que cobra punição ao deputado Eduardo Bolsonaro por seus ataques à jornalista Patrícia Campos Melo, depois do depoimento de Hans River à CPMI das fake news. “Nada parece casual nessa opereta grotesca. O depoimento falso da testemunha, as manifestações levianas do deputado e a saraivada de impropérios disparada pelas falanges governistas compõem um método de alvejar seja a imprensa profissional, seja o próprio regime das liberdades civis que a supõe”, aponta o texto.

“Esse dispositivo metódico de destruição de valores democráticos a esta altura já é bem conhecido da sociedade brasileira. O método Bolsonaro enfrenta, felizmente, sólida resistência das instituições cujo papel também é conter excessos do Poder Executivo. O que falta é a responsabilização exemplar de quem agride a Carta e reincide em atos indecorosos. Até quando Eduardo Bolsonaro abusará da paciência republicana?”, questiona o jornal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *