Garota descobre que gato adotado na rua é um puma selvagem

O que a jovem acreditava ser um gatinho indefeso, era um animal selvagem | Foto: Reprodução/Facebook

Adoção de um gatinho indefeso? Em um dia de pesca com os irmãos na Argentina, uma garota encontrou um gato indefeso miando na rua e o adotou. Depois de gastar um bom tempo tentando entender o que o bicho tinha de diferente, Florencia Lobo descobriu que o animal era, na verdade, um puma selvagem.

O bichinho recebeu o nome de Tito e a menina logo se apegou a ele. Todos os dias dormiam juntos. Certo dia, Flor percebeu que seu novo gatinho estava andando de uma maneira estranha e logo procurou um veterinário. O profissional não soube ao certo do que se tratava, mas sabia que Tito não era um gatinho indefeso.

“O veterinário não sabia dizer o que era, mas suspeitou que Tito não era um gato comum”, disse a garota ao jornal local El Tucumano. “Procurei outros profissionais, todos queriam me cobrar entre 6 mil e 18 mil pesos para operar sua patinha.”

Puma de volta à natureza

Sem se conformar com o que estava acontecendo, Florencia conseguiu falar com um especialista na reserva de Horco Molle. Através de imagens do animal, o veterinário afirmou que Tito é um puma de Yaguarundi, uma espécie que não pode ser domesticada porque é considerada selvagem.

Depois da descoberta, a garota contou com a ajuda da Fundação Argentina de Resgate de Animais (FARA) e deu adeus ao seu amigo. Tito irá voltar ao seu habitat natural, a mata.

Os profissionais da FARA compartilharam o acontecido nas redes sociais e explicaram que o puma selvagem tem três meses de vida e que receberá os cuidados necessários para a lesão na pata antes de ser reinserido à reserva de Horco Molle.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *