Jogadores interrompem partida e se ajoelham em protesto contra retorno do futebol

De camisas pretas, jogadores entram em campo com posicionamento contrário à volta do futebol e ajoelham logo depois de a bola começar a rolar.

Houve protesto no retorno do Botafogo ao futebol, hoje, no Estádio Nilton Santos. Primeiro, os jogadores da equipe carioca exibiram uma faixa aparentemente em alusão ao “Jogo Seguro”, protocolo elaborado pela Ferj para a volta da disputa do Campeonato Carioca. Depois, já com a bola rolando, o time se ajoelhou no gramado.

A faixa, que acompanhou a equipe na entrada à partida, tinha os dizeres “protocolo bom é o que respeita vidas”. O Botafogo, vale destacar, foi um dos principais clubes contrários à volta dos jogos estaduais.

Botafogo faz série de protestos e carrega faixa: “Protocolo bom é o que respeita vidas”

Com cerca de dois minutos do primeiro tempo, os jogadores se ajoelharam por alguns segundos. O gesto foi uma menção aos protestos contra o racismo que rodam o mundo. A Cabofriense respeitou a ação botafoguense e se manteve paralisada, aguardando. A maioria do time não acompanhou a iniciativa alvinegra.

O Botafogo venceu por 6 a 2. Pedro Raul (duas vezes), Cícero, Bruno Nazário, Luis Henrique e Caio Alexandre marcaram para o Bota, enquanto Emerson Carioca e Diego Sales, de pênalti, descontaram.

Com a vitória, o Botafogo vai a sete pontos no Grupo A da Taça Rio, na segunda colocação. Empatado em pontos com o Boavista, o Alvinegro leva vantagem nos gols pró (9 a 5). A Cabofriense segue sem pontuar no segundo turno do Campeonato Carioca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *