Jornal Nacional detona Mandetta: ‘Criticou a imprensa para agradar Bolsonaro’

Em entrevista com jornalistas neste sábado (28), o ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta afirmou que meios de comunicação são “sórdidos” na cobertura sobre o coronavírus.

“Desliguem um pouco a televisão. Às vezes ela é tóxica demais. Há quantidade de informações e, às vezes, os meios de comunicação são sórdidos porque eles só vendem se a matéria for ruim. Publicam o óbito, nunca vai ter que as pessoas estão sorrindo na rua. Senão, ninguém compra o jornal”, disse o ministro na ocasião.

Na noite deste sábado, ao comentar a declaração de Mandetta no Jornal Nacional, a apresentadora Ana Paula Araújo disse que “o ministro da Saúde encontrou uma outra maneira de agradar o presidente” Jair Bolsonaro (sem partido).

“Criticou o trabalho da imprensa, afirmando que os meios de comunicação são sórdidos porque, na visão dele, eles só vendem se a matéria for ruim. Na pandemia de um vírus letal, contra o qual não há medicamento ou vacina, é estarrecedor que ele não reconheça que o nosso trabalho é um remédio poderoso: dar informação para que o povo possa se proteger”, detonou a apresentadora.

Assista ao vídeo:

✨@sacdabianca

Ana Paula Araújo jantando o Mandetta em 43 segundos no Jornal Nacional :

Vídeo incorporado

1.195 pessoas estão falando sobre isso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *