Leão substitui Negromonte no PP

 

Dois dias após o apoio à pré-candidatura do senador Walter Pinheiro (PT) como candidato ao governo da Bahia, a cúpula do PP se reuniu em Salvador para um seminário para os mais de 50 prefeitos eleitos pela sigla em 2012 e definiu rumos na Bahia e nos municípios-chave. Conforme previsto, o deputado federal João Leão foi alçado à condição de presidente estadual, substituindo o companheiro de Câmara Mário Negromonte, que acumula a vice-presidência nacional desde abril.

De acordo com o tom dos progressistas no evento, Leão terá como prioridade ampliar ainda mais a base eleitoral do PP, terceiro maior partido da Bahia em número de prefeitos com números expressivos de votos. “Precisamos crescer ainda mais e, para isso, temos que contar com o espelho e a honra da administração dos nossos prefeitos”, afirmou o futuro presidente, que assume a função a partir de 9 de dezembro.

Segundo Leão, seminários com temáticas voltadas a gestão dos municípios voltarão a ser realizados pelo partido. “Vou promover um seminário para tratar da situação das nossas rodovias e dos projetos relacionados ao tema que ainda não foram implantados no estado”, afirmou, antecipando que o projeto deve acontecer em janeiro de 2014. “Vamos capacitar e enriquecer nossos quadros. Ainda é cedo para falar sobre as metas, mas vamos continuar crescendo”, previu o deputado federal.

Negromonte, que se despede da direção estadual da sigla, indicou, com ponderação, a situação política do partido na Bahia. “Estamos vivendo um momento novo e é importante que partidos políticos e prefeitos estejam alinhados e crescendo com qualidade”, afirmou o parlamentar. Na mesa desse novo momento está o espaço na chapa de candidatura majoritária em 2014, onde o PP luta por espaço com PDT e PSD por apenas duas vagas – o PSD é considerado assegurado na composição com o vice-governador Otto Alencar, reduzindo ainda mais a disputa.

Ancorado no recall eleitoral de 2012, o PP sinalizou, em mais de uma oportunidade, ter garantido uma das vagas no processo eleitoral do próximo ano. Para o futuro presidente estadual, o assunto sequer deve ser discutido. “Nem falo sobre majoritária, porque sei que o PP tem o seu espaço na majoritária. É uma questão de princípios”, ratificou Leão, com discurso semelhante ao adotado por Negromonte. Sobre a opção por Pinheiro, o dirigente foi menos incisivo. “Nós queremos uma pessoa da estirpe do senador como candidato. Não é só ganhar a eleição, ele tem que ter um perfil para governador.

Para o PP, o senador Walter Pinheiro é o melhor. Se o PT não o escolher, vamos sentar para conversar”, apontou Leão. Além das questões ideológicas, o PP tem ainda outro argumento para apoiar Pinheiro. O suplente do senador é Roberto Muniz, filiado à sigla.

Fonte: Tribuna

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *