Live de Harmonia do Samba gera aglomeração em lagoa de Camaçari

Em nota, a assessoria da banda informou que não imaginava que as pessoas teriam esse tipo de comportamento

Redação
Foto: Instagram/ Arquivo Pessoal
Foto: Instagram/ Arquivo Pessoal

 

A banda Harmonia do Samba contou com plateia para sua live do último domingo (5). Se a ideia era não aglomerar, Xanddy e seus companheiros falharam na missão e arrastaram uma galera para acompanhar o show.

Em imagens divulgadas nas redes sociais, é possível ver uma aglomeração de pessoas em caiaques, boias e pranchas na lagoa próxima ao palco montado pela banda para se apresentar em Interlagos.

Em nota, a assessoria da banda informou que não imaginava que as pessoas teriam esse tipo de comportamento. A produção informou que a live foi produzida com equipe reduzida e todas as medidas cabíveis de proteção.

“A piscina da casa onde a Live ocorreu estava vazia como é possível ver nas imagens da Live. Realizamos a Live com equipe reduzida e todas as medidas cabíveis de proteção com a equipe de trabalho e protocolo de não aglomeração foram tomadas pela banda. Escolhemos um local afastado, sem grande movimentação. A Live foi realizada em uma casa que fica em um condômino de Interlagos. E, mesmo a casa dando acesso a um lago que os resistentes do condômino podem circular com kaiaques e etc, não imaginávamos que os moradores iam sair de suas casas, por vontade própria, em plena pandemia. Não temos como nos responsabilizar pelo comportamento das pessoas que não fazem parte da equipe. É questão da consciência de cada um”, diz a nota da banda.

A aglomeração não passou em branco pelos fãs do grupo, que criticaram a situação nas redes sociais.

“O local estava cheio de gente curtindo a live dentro d’água e pranchas de Sup. É preciso ter responsabilidade num momento tão crítico”, disse um internauta. “Deveriam ter um pouco de cuidado, de mostrar para o público a importância do distanciamento, tinham muitos moradores no lago, todos muito próximos uns dos outros”, apontou outro.

O último boletim divulgado pela Secretaria de Saúde do estado (Sesab), no domingo (5), confirmou 1.746 casos de coronavírus em Camaçari, cidade onde aconteceu o show. A cidade está sob toque de recolher, desde o último fim de semana como tentativa de combater o crescimento do número de infectados na região.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *