Maiores colégios eleitorais indicam fracasso da campanha antivax de Bolsonaro

Os maiores colégios eleitorais já se aproximam de 100% de vacinados com ao menos uma dose, o que deve impactar nas intenções de votos de Jair Bolsonaro, optante pela não vacinação contra a Covid-19

Vacinação contra a COVID-19.
Vacinação contra a COVID-19. (Foto: GOVSP)

Jair Bolsonaro faz aposta arriscada ao não se vacinar contra a covid-19 e deve deixar de ganhar muitos votos pela postura negacionista. Os maiores colégios eleitorais (São Paulo, Rio, Belo Horizonte, Salvador e Fortaleza) já se aproximam de 100% de vacinados com ao menos uma dose, de acordo com informação publicada pela Coluna do Estadão.

Quando se leva em conta somente a população adulta vacinada, os números nessas capitais ultrapassam os 80%: em São Paulo, 100%; no Rio, são 99,8%; Salvador e Fortaleza já chegaram a 94%; e Belo Horizonte está em 81,7%.

“É estranho Bolsonaro se apresentar à reeleição e não se atentar às pessoas”, afirmou o cientista político José Álvaro Moisés, da USP. “Ele está na contramão da opinião pública. Não à toa cresce sua rejeição. É uma tendência. Uma resposta do eleitorado”, complementou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *