Mário Couto quer nova coleta de assinaturas para CPI do Futebol

O senador Mário Couto (PSDB-PA) informou nesta quarta-feira (2), em Plenário, que deve voltar a colher assinaturas para a instalação de uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) que investigue as federações estaduais e a Confederação Brasileira de Futebol. O senador quer investigar a falta de transparência na prestação de contas dessas entidades, que recebem dinheiro público.

Mário Couto criticou o fato de dirigentes das federações se manterem durante sucessivos mandatos à frente dessas entidades. Segundo o senador, em Mato Grosso, Roraima e Santa Catarina, os presidentes das federações estão há mais de 30 anos nos cargos. Para ele, o fato de entidades que recebem público terem dirigentes há tanto tempo no poder vai contra a democracia.

– O Senado Federal não pode aceitar isso – afirmou.

No Pará, estado que representa, Mário Couto afirmou que Antonio Carlos Nunes dirige, há 16 anos a federação.

– No Pará, nós temos um coronel reformado da Polícia Militar há 16 anos no poder. Ditador, corrupto, antidemocrático, que se instalou naquela federação para estagnar, de uma vez por todas, o futebol paraense – acusou o senador.

Mário Couto informou que enviará ofício ao Ministério Público do Pará com pedido de providências para impedir uma nova candidatura do presidente da Federação Paraense de Futebol à reeleição. Em abril deste ano, o senador já havia denunciado um suposto esquema de corrupção na entidade. (Agência Brasil)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *