O segundo petardo de Kajuru, ainda mais humilhante (Veja o Vídeo)

No primeiro petardo, o senador Jorge Kajuru, durante uma entrevista para a Rádio Bandeirantes, tratou o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes, como “canalha”, “vendedor de sentenças” e sócio dos ex-governadores tucanos Beto Richa (PR), Aécio Neves (MG) e Marconi Perillo (GO).

Para complementar, após dizer que Gilmar seria o primeiro alvo da CPI da Toga, Kajuru ainda mandou um recado para outros ministros do STF: “Depois vamos nos Lewandowskis da vida”.

Nunca antes na história um ministro da mais alta corte do país sofreu um ataque tão virulento. Aliás, no passado ministros do STF sempre mantiveram uma aura de respeito e discrição.

A reação do combalido Gilmar, encaminhando um ofício ao presidente do STF para a “adoção das providências que entender cabíveis”, deu margem a um segundo petardo de Kajuru e para a instalação de um verdadeiro clima de guerra entre os dois poderes.

A situação vai favorecer a criação da CPI e fatalmente será determinante para o encaminhamento do impeachment de Gilmar Mendes.

O segundo petardo de Kajuru, em novo pronunciamento, desta vez da tribuna do Senado, não deixa dúvidas, Gilmar será o primeiro alvo.

Veja o vídeo:

Otto Dantas

Articulista e Repórter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *