Opinião: Bacia do Dom Avelar entregue sem que obra tenha terminado

Um gesto pode mudar uma campanha eleitoral. Um gesto pode levar o candidato ao céu, como também ao inferno. Isso é constatação.

Você lembra da pichação do monumento da Bíblia Sagrada? Talvez se recorde sim. Aquele gesto, feito em plena campanha eleitoral para prefeito, trouxe sérios prejuízos à equipe do prefeito que naquela época buscava a reeleição, a saber Júlio Lóssio.

Saneamento do bairro

Um ato impensado de um de seus parentes, faltando poucos dias para a votação, fez com que Lóssio deixasse de obter mais de cinco mil votos. O prefeito foi reeleito, mas, aquele gesto de um de seus parentes de pichar a Bíblia, ficou marcado. Um gesto pode mudar o rumo das eleições.

Na atualidade, diversos gestos ruins estão pipocando na cidade, e eles estão vindo da equipe Novo Tempo: São as ferragens do Ceape que sumiram e apareceram em outra local, segundo sabemos, foram vendidas. Demissões  e suspensões  de cargos de primeiro escalão na prefeitura por condutas suspeitas, e por fim, um gesto que é ruim para Petrolina: o prefeito inaugurando obras sem acabar, sem dar pronta.

A exemplo disso é o saneamento da Bacia do Dom Avelar que foi inaugurada sem estar pronta. O povo daquela área está com muita decepção em torno da gestão. Fizeram uma festa dizendo que estava pronta aquela obra, quando não está!

Um gesto pode mudar uma campanha eleitoral. Um gesto pode levar o candidato ao céu, como também ao inferno. Isso é constatação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *