Policiais suspeitos de revender armas apreendidas em presídio do Recife

Por Raphael Guerra

Esquema ilegal estaria ocorrendo no Presídio Frei Damião de Bozzano. Foto: JC Imagem/Arquivo

Um áudio compartilhado em grupos de WhatsApp denuncia que policiais, agentes penitenciários e até um suposto diretor de um presídio do Recife estariam apreendendo drogas e armas e revendendo para os próprios presos. O suposto esquema no Presídio Frei Damião de Bozzano, no Complexo Prisional do Curado, está sendo investigado pela Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres).

A gravação cita supostos nomes de um diretor, de um chefe de segurança e de dois detentos que estariam envolvidos no esquema ilegal. O áudio ainda informa que após as buscas de rotina nos pavilhões do presídio, todo o material apreendido é “renegociado com presos de confiança”, que ficam com a responsabilidade de repassar para outros presos em troca de dinheiro. Os lucros, segundo a denúncia, são divididos entre todos.

Em nota oficial, a Seres informou que “desde que teve conhecimento do áudio, trabalha na apuração das informações contidas no material para tomar providências cabíveis”. O Ronda JC também entrou em contato com a Polícia Civil de Pernambuco. A assessoria de imprensa informou que somente a Seres falaria sobre o caso. (JC)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *