População do norte baiano recebe equipes do Água para Todos

Os municípios de Mirangaba, Miguel Calmon, Ourolândia, Várzea Nova e Jacobina, no norte baiano, já estão recebendo a visita das equipes do programa Água para Todos, do governo federal, coordenado pelo Ministério da Integração Nacional e executado pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) em sua área de atuação. Nestes cinco municípios, afetados pela estiagem prolongada, a Codevasf tem apresentado o cronograma de instalação de cisternas e, junto com os membros do Comitê Gestor Municipal – formado por representantes da sociedade local -, feito a validação das famílias que receberão as cisternas de abastecimento humano.

No Centro Cultural Edmundo Isidoro, em Jacobina, a comunidade conheceu o cronograma de distribuição de 4,5 mil cisternas naquela região para o biênio 2013/2014. Somente em Jacobina, o programa irá beneficiar cerca de 2 mil famílias da zona rural que possuam renda per capita de até R$ 140 e estejam cadastradas em programas sociais com um Número de Identificação Social (NIS).

O superintendente da Codevasf em Juazeiro, Emanoel Lima, tem acompanhado algumas audiências, e durante a realização dos encontros, chama a atenção dos presentes para a importância do Comitê Gestor Municipal, que é integrado por representantes da sociedade local, que serão responsáveis pelo acompanhamento das ações do programa.

Cerca de 250 pessoas participaram de outra audiência pública realizada no auditório da Prefeitura Municipal de Miguel Calmon, onde foi feita uma apresentação sobre o trabalho desenvolvido pela Codevasf em sua área de atuação e os detalhes do programa Água para Todos, que será implantado naquele município. Neste encontro, o coordenador do programa na região, Joselito Menezes, explicou a importância da participação da comunidade para o sucesso das ações de implantação do benefício.

Outra reunião foi realizada também na comunidade de Tábua, no município de Várzea Nova, onde o representante da empresa responsável pela fabricação das cisternas de polietileno participou do encontro, que discutiu o planejamento para a instalação e o acompanhamento dos serviços na localidade.

Segundo Joselito Menezes, em Jacobina 870 famílias, das 1.907 previstas até 2014, já foram validadas pela equipe do programa e estão aptas para receber uma cisterna em suas residências.

Em Miguel Calmon o atendimento superou as expectativas. Foram relacionadas inicialmente 487 famílias para receberem o benefício, mas a validação aumentou o número de beneficiários para 803 famílias.

Em Mirangaba, a previsão de atendimento até 2014 era de 410 famílias, mas durante as ações de validação, realizadas pelas equipes do programa, junto com o Comitê Gestor Municipal, aproximadamente 1.460 famílias foram incluídas na relação de possíveis beneficiários. A empresa contratada para instalação dos reservatórios já possui autorização para instalar 1.001 equipamentos no município.

Mais informações: http://www.codevasf.gov.br

(Ascom/Codevasf)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *