Prefeito de Sento Sé será investigado por três procuradores federais

 

O Ministério Público Federal, através da Procuradoria da Republica Pólo em Petrolina/Juazeiro designou os procuradores: Gabriela Barbosa Peixoto, Ana Fabíola de Azevedo e Bruno Barros de Assunção para apurar possíveis casos de irregularidades representados pelo Comitê 9840 de Combate à Corrupção Eleitoral e pela Ética e Dignidade na Política da Cidade de Sento-Sé/BA.

Segundo o Comitê, pesa contra o prefeito Ednaldo Barros (PSDB) as seguintes denuncias: 

1.26.001.000030/2014-58 – Alusivo ao Ministério da Previdência Social

Apurar INDÍCIOS DE APROPRIAÇÃO INDÉBITA NA ORDEM DE R$ 4.280.629,66 de recursos previdenciários descontados da folha de pagamentos dos servidores, conforme parecer nº 0887-12 do TCM/BA, relativo ao exercício de 2011.

 1.26.001.000031/2014-01 – Alusivo ao Ministério das Cidades

Apurar ausência de beneficiados no município pelo programa Federal Minha Casa Minha Vida

 1.26.001.000032/2014-47 – Alusivo ao Ministério do Turismo

Apurar aplicação do recebimento de recursos do Ministério do Turismo no valor de R$ 292.500,00 para construção de praça no bairro do Tombador obra esta nunca realizada;

Apurar possibilidade de superfaturamento nas obras para contrução de três praças publicas nos povoados de Retiro de Cima, Volta da Serra e Aldeia, referente ao convênio 672106, firmado com o Ministério do Turismo.

 

1.26.001.000033/2014-91 – Alusivo ao Ministério da Educação

Apurar ausência de conclusão de três creches, cujos recursos foram repassados pelo Ministério da Educação;

Fraude em licitação para construção da Escola Municipal Nova Canaã, com recurso do Ministério da Educação;

Fraude no pagamento de empresa contratada para realização do transporte escolar, com verba oriunda do PNATE.

 1.26.001.000034/2014-36 Alusivo ao Ministério da Saúde

Apurar possibilidade de superfaturamento no contrato decorrente do convênio 595019, firmado com o Ministério da Saúde;

Apurar superfaturamento na construção de uma Academia de Saúde para Terceira Idade;

Apurar possibilidade de superfaturamento nos contratos decorrentes do convênio 658331, firmado com o Ministério da Saúde (programa Melhoria Habitacional para controle da Doença de Chagas);

Apurar superfaturamento, fraude na licitação e obra inacabada relativa à reforma do Hospital Municipal Dr. Heitor Sento-Sé, convênio 751616, firmado com o ministério da Saúde.

Com informações do Comitê 9840 de Sento-Sé

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.