Presidente da Câmara de Juazeiro comenta decisão dos vereadores que desfizeram de seus blocos

 

Da Redação

Durante a sessão ordinária desta terça-feira (14) na Casa Aprígio Duarte Filho, os três blocos de vereadores ligados à base do governo Suzana Ramos (PSDB) foram desfeitos através de requerimentos apresentados por cada liderança. Isso provocou uma grande polêmica obrigando o presidente da Mesa Diretora, Lindemberg Souza dos Santos, o popular Berg da Carnaíba (PDT), à suspender por alguns minutos o andamentos dos trabalhos.

Em contato com a reportagem do AP, Berg se mostrou tranquilo e seguro com a decisão tomada pelos colegas. “Isso é normal na política. Cada vereador tem a sua liberdade de escolha, e seu pensamento é respeitado. Cada um é responsável por sua decisão. Nós estamos aqui para conversar e  debater tudo aquilo que é do interesse do povo respeitando o desejo e sentimento de cada um”.

“Acredito que a decisão tomada pelos vereadores seja questão de momento. Existe o calor da emoção onde pessoas tomam decisões e depois voltem atrás. Isto é normal no ser humano, e já aconteceu com algumas pessoas, e na política isso não é diferente”, comentou.

De acordo o Regimento Interno da Casa, caso a decisão dos vereadores seja mantida, os blocos só poderão ser formados no ano seguinte. “Os pedidos serão analisados, e caso os vereadores continuem com o mesmo posicionamento,  isso com certeza poderá acontecer”.

 Volta do público

O vereador Berg da Carnaíba aproveitou para informar sobre o retorno do público às sessões da casa. “Acredito que na primeira sessão do mês de outubro as pessoas possam frequentar a Casa Aprígio Duarte Filho.”

Indicações

Durante os trabalhos, ele apresentou dois indicações. “Apresentei duas indicações solicitando do Poder Executivo isenção do pagamento da taxa  do Zona Azul para idosos e para pessoas com deficiência”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *