Professores de rede municipal de Canudos entram em greve

Da Redação

Durante assembléia realizada na ultima na sexta-feira (30), os professores da rede municipal de ensino de Canudos, nordeste baiano, decidiram entrar em greve devido à falta de entendimento com a administração Arcênio Almeida Gonçalves Neto (PRB) por não se chegar ao consenso referente ao cumprimento da lei que obriga o cumprimento dos projetos do Estatuto e Plano de Carreira do Magistério e o Piso Nacional do Magistério aprovados pela Câmara daquele município.

Segundo a APLB-Sindicato, desde 29 de agosto de 2011 que a comissão paritária – composta de cinco representantes do executivo e cinco representantes da entidade – encaminhou proposta para a administração que até a presente data não teria se manifestado. Segundo ainda o sindicato, os projetos foram aprovados pela assessoria jurídica e pelo setor de contabilidade, chegando a Câmara de Vereadores com um atraso de cinco meses e mesmo assim sendo aprovados.

“Em vista da atitude suspeita do prefeito no dia da votação dos referidos projetos encaminhamos ofício pedindo a sanção dos projetos, já que a proposta salarial era referente ao exercício de 2011e precisava ser atualizada. No entanto, ele não sancionou no prazo e o presidente da Câmara de Vereadores cumpriu o regimento em colocar em pauta para votação. Diante disso, enviamos ofícios solicitando uma audiência para discutir as reivindicações supracitadas e pedindo o cumprimento das leis referentes ao estatuto, Plano de Carreira e piso nacional. E para nossa surpresa, no dia 30 recebemos os proventos sem nenhum reajuste salarial, ou seja, uma verdadeira afronta a nossa categoria. Isso demonstra o verdadeiro descaso e falta de respeito para com a lei que estabelece o piso nacional. Estes os fatos que levaram a categoria a decretar a greve”, informa o representante da categoria José Nilton Freitas dos Santos.

Com informações da APLB-Sindicato Núcleo de Uauá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *