PT fecha com Wagner e começa a eliminar bases de Otto Alencar pelo interior. Em municípios da região a ordem é acabar com redutos do ex-carlista a exemplo de Sobradinho, Remanso, e outros 

Redação

Esta semana um jornal de grande circulação na capital baiana publicou em sua coluna que o grupo de Rui Costa já está se comendo nos bastidores com o do senador Otto Alencar (PSD). Ainda segundo a matéria, que a ‘cúpula nacional do PT fechou questão em torno da candidatura de Jaques Wagner para o governo do estado em 2022.’

Ainda assim, ‘ a prioridade é eleger o maior número possíveis de prefeitos leais ao PT, na tentativa de diminuir a influência do senador Otto Alencar no interior. A estratégia de atacar o trunfo político de Otto, tem como objetivo isolar o cacique do PSD e retirá-lo do páreo’.

Isaac Carvalho

Na região do Vale do São Francisco, o PT já tem um tarefeiro fazendo este trabalho, o ex-prefeito de Juazeiro, Isaac Carvalho, recém filiado à legenda. Em Remanso, já se comenta na possível filiação do pré-candidato à prefeito Marcos Palmeiras ao PT. Com isso, reforça a possibilidade dele ser o candidato do governador contra Zé Filho (PSD).

ACM Neto, Mundoca e Adolfo Neto

Em Pilão Arcado, o PCdoB é comandado por Isaac que está caminhando para uma dobradinha política com Mundoca, aliado do deputado federal Adolfo Viana (PSDB).

Enilson apoiou o deputado federal José Carlos Araújo que muito ajudou seu município mas não conseguiu a reeleição

Em Campo Alegre de Lourdes, o prefeito Enilson Marcelo Rodrigues da Silva (PCdoB), já conta  com o apoio da cúpula petista para sua reeleição. Na cidade já se comenta em WO.

Gleidson Medrado, Flambinho e Otto

Em Curaçá o prefeito Pedro Oliveira (PSC) – desafeto de Isaac, Rui Costa e Wagner – caminha para uma possível reeleição mesmo o vice-prefeito Murilo Oliveira (PSC) com possibilidade de ser o candidato do grupo. Ainda em Curaçá surge mais outro nome com chances de disputa que é o do pré-candidato à prefeito Flambinho (PSD). Ele já conta com os apoios dos senadores Otto Alencar e Ângelo Coronel.

Adailton já conta com os apoios de Lídice da Mata, Marcelo Nilo, Wagner, e outras lideranças da Bahia

Em Canudos, a reportagem questionou Jaques Wagner sobre qual nome poderia apoiar. Ele destacou Adailton Gama (PSL) como alternativa.

Genilson Silva e o prefeito Luiz Vicente

Em Sobradinho, o prefeito Luiz Vicente (PSD) não pode concorrer a reeleição, mas dentro de seu grupo já existe vários pré-candidatos. A situação dentro do grupo não é boa o que pode ajudar no crescimento da pré-candidatura de Tiziu (PT). O petista já conta hoje com os apoios do PDT, PCdoB e dos capa preta do partido na Bahia. Na eleição passada, Rui Costa apoiou Vicente, o que causou mal estar dentro do próprio PT.

A oposição conta com as quatro principais lideranças que jamais se unirão ao grupo de Isaac Carvalho: Allan Jones, Suzana Ramos, Coronel Anselmo Bispo e Joseph Bandeira. Casso se confirme esta união, Juazeiro terá outro prefeito em 2021

Em Juazeiro, segundo informações de bastidores, o PT já tenta levar Joseph Bandeira (SD) de volta por saber que a reeleição de Paulo Bomfim (PCdoB) está complicada. Ainda segundo a fonte, as investidas são constantes, mas Joseph está resistente porque foi traído por Wagner e o próprio PT quando castraram sua candidatura de prefeito contra Isaac. Ele jamais iria se arriscar em colocar o seu pescoço numa guilhotina retornando ao PT. Como diz o velho ditado: ‘Gato escaldado tem medo de água fria!’

Lindomar e Miroval

Em Uauá, o parangolé é grande. Depois do vazamento da noticia de que o prefeito Lindomar Dantas (PCdoB) poderia retornar ao PT, houve uma grande rebelião dentro da legenda local. Para eles, Lindomar saiu do partido deixando cicatrizes incuráveis, e ainda hoje continua dando trabalho à legenda. Hoje o município conta com alguns pré-candidatos à prefeitos ligados a base política do governador, mas apenas um é filiados ao PT: Miroval Marques. Ele é opositor ao prefeito neo-comunista e que pode contar com os apoios dos caciques na Bahia. Há anos que o PT baiano sonha em ocupar as prefeituras de Uauá e Canudos.

Ednaldo Barros e seu povo no interior

Em Sento Sé, mesmo a oposição unida está difícil arrancar da cadeira a prefeita Ana Passos (PSD). Queira, ou não, na cidade existe, apenas, dois coronéis da política: Ednaldo Barros (PSD) e Juvenilson Passos (PT) – esposo da prefeita. Eles se revezam no poder de 8 em 8 anos, e com isso, nem com sal grosso essa dobradinha vai acabar tão cedo.

Em Casa Nova se cogita na possibilidade de Joelma Cota se filiar ao PT, mas o partido está debaixo da asa do prefeito Wilker Torres (PSB) com o vereador José Carlos Borges ligado a base do governo. A direção do partido local está levando a coisa no ‘boi e maria’, publicou uma nota dizendo nem ser a favor ou contra. Joelma mantém contato com Isaac Carvalho e outras lideranças do PT estadual.

Hoje o ibope do prefeito Wilker não é bom, e segundo informações, já tem gente da base procurando outro pé de sombra. A situação é tão deplorável que nem os próprios funcionários e secretários tem contato com o gestor porque ele largou o prédio, deixou jogado as traças.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *