“Se houve irregularidade da minha parte, eu saio”, diz Moro no Senado

Ministro disse não ter nenhum apego ao cargo: ‘que se apresente tudo, vamos submeter ao escrutínio público’

Em audiência no Senado Federal nesta quarta-feira 19, o ministro da Justiça Sérgio Moro afirmou que está disposto a deixar o cargo, caso sejam provadas irregularidades na sua conduta como juiz. Moro passa o dia em depoimento aos parlamentares, para esclarecer os vazamentos noticiados pelo portal The Intercept Brasil.A fala ocorreu em resposta ao senador Jaques Wagner (PT-BA). O petista indagou se o ministro está disposto a se afastar do cargo, caso novos vazamentos do site resultem numa investigação da Polícia Federal. Para o senador, não é “razoável” que Moro continue no comando do Ministério da Justiça, já que a Polícia Federal precisa de independência para investigá-lo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *