Sob ataque, líder do governo corre a militares que atuam no Planalto

Daniela Lima – Painel – Folha de S.Paulo

O equilibrista –  Alvo de uma saraivada de críticas dentro do próprio partido e também em siglas alinhadas a Jair Bolsonaro, o líder do governo na Câmara, Major Vitor Hugo (PSL-GO), buscou guarida entre militares de alta patente que compõem o Planalto. No fim de semana, Hugo falou com o vice-presidente Hamilton Mourão e com o chefe do GSI, ministro Augusto Heleno. Ele também sondou, por meio de interlocutores diretos, se o presidente seguia confiante de mantê-lo no posto. Recebeu sinal verde.

Hugo ainda trabalha para minimizar o desconforto de uma ala da Casa Civil com seu nome. Para afinar os canais, almoçou com o titular da pasta, Onyx Lorenzoni, e com o secretário de Governo, general Santos Cruz.

O líder da gestão Bolsonaro busca formas de  agilizar a resolução de demandas de parlamentares da base. O Planalto planeja dar publicidade à nomeação de indicados por políticos. A medida pode destravar a ocupação de postos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *