Thor e Eike Batista devem indenizar família de atropelado

thor

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro determinou nesta quinta-feira que o empresário Eike Batista e seu filho Thor paguem uma indenização à família do ciclista atropelado pelo jovem em março de 2012. O valor de 500.000 reais se refere à quebra de uma cláusula de confidenciabilidade firmada no processo.

O advogado da família da vítima, Cleber Carvalho Rumbelsperger, afirma que Thor não poderia ter revelado o acordo firmado anteriormente, que acertou o pagamento de 300.000 reais. A divulgação do valor pago, segundo ele, causou contrangimento perante outras pessoas da família, que precisariam de ajuda financeira.

Pelo acidente, Thor foi condenado a pagar mais 1 milhão de reais e prestar serviços comunitários durante dois anos – pelo mesmo período, seu direito de dirigir permanecerá suspenso. Wanderson Pereira dos Santos foi morto após ser atropelado por Thor na BR-040, Baixada Fluminense. (Veja)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.