Uauá: A pergunta que não pode calar

Será que Miroval Marques enterrou PT de Uauá, juntamente com a candidatura de todos os vereadores depois que se uniu ao Padre?

Será que ele foi beneficiado com algo particularmente para receber tantos afetos do gestor durante a convenção?

Uma coisa já é certa, teve candidato a vereador que desistiu na hora quando viu essa união. Outros já estão caindo fora porque sabem que não tem a minima condições de serem eleitos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *