Um copo de Coca-Cola ou suco de laranja por dia aumenta o risco de câncer, diz estudo

Nova pesquisa sugere que o consumo diário de bebidas açucaradas aumenta o risco de câncer em até 18%.

MASTER1305 VIA GETTY IMAGES

Uma nova pesquisa é um banho de água fria para aqueles que amam uma bebida bem doce. Um novo estudo publicado nesta semana no jornal científico BMJ relacionou o consumo de refrigerantes, sucos artificiais e até sucos naturais ao aumento do risco de desenvolver câncer, sobretudo o de mama.

Segundo o estudo, beber um copo de 100 ml destas bebidas por dia é capaz de aumentar em até 18% o risco de câncer, e 22% do risco de câncer de mama.

O estudo, feito na França, contou com dados de mais de 100 mil adultos. Ele sugere que bebidas açucaradas como refrigerantes, limonadas industrializadas, energéticos têm associação ao risco de obesidade, que é uma condição para desenvolver diversos tipos de câncer. Não só isso: sucos que naturalmente contêm açúcar, como o de laranja, também foram associados ao risco.

“Quando separados os grupo de bebidas açucaradas entre refrigerantes e sucos 100% de frutas, foi constatado que o consumo de ambas bebidas foi associado ao aumento do risco de câncer”, diz o estudo.

A pesquisadora líder do estudo e diretora da área de pesquisas do Instituto de Pesquisas Médicas da Universidade Paris-XIII, Mathilde Touvier, afirma que os novos dados mostram como a redução do consumo de bebidas açucaradas pode ser benéfica para a nossa saúde.

“O que observamos foi que o principal condutor da associação parece ser realmente o açúcar contido nessas bebidas”, afirmou a pesquisadora.

Quando olhamos a quantidade de açúcar presente em 100 ml de uma Coca-Cola e de um suco de laranja, por exemplo, é quase o mesmo. Não é estranho fazer a mesma associação com o suco de frutas.

Segundo a pesquisadora, o consumo de bebidas com muito açúcar é um fator de risco para a obesidade e ganho de peso, e a obesidade é um fator de risco para câncer.

Outra ponto relevante para o estudo foram os aditivos encontrados em bebidas industrializadas, como corantes e estabilizantes, que podem influenciar na formação de câncer.

A pesquisa não encontrou nenhuma relação entre bebidas dietéticas e câncer, mas os autores alertaram que outras pesquisas reforçam que alguns tipos de adoçantes são relacionados com a doença. Um estudo publicado no ano passado revelou que adoçantes artificiais podem aumentar o risco de doenças cardiovasculares, como derrame, infarto e morte precoce.

O que fazer?

Segundo os pesquisadores franceses, uma forma de reduzir as chances de câncer é seguir uma alimentação balanceada e continuar comendo o que você gosta, mas com moderação.

“A ideia não é evitar tipos de comida, mas um consumo moderado. A recomendação das agências de saúde pública é consumir menos que uma bebida açucarada por dia. Se você consome de tempos em tempos estas bebidas, não precisa se preocupar”, ponderou a pesquisadora Mathilde. “Mas se você costuma beber ao menos um copo por dia destas bebidas, você pode aumentar o risco de diversas doenças, não só o câncer.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *