‘Usei a autoestima baixa da adolescência a meu favor’, revela Ingrid Guimarães

Para o segundo semestre, humorista tem planos de rodar um filme ao lado de Tatá Werneck

Por Meia Hora

 Ingrid Guimarães
Ingrid Guimarães – Ingrid Guimarães Caption
A atriz Ingrid Guimarães, de 47 anos, abriu o coração durante uma entrevista para a revista “Quem”. A loira falou sobre a vida pessoal, aceitação, planos para o futuro e de tudo que conquistou na carreira de comediante, autora e apresentadora.

Ingrid aprendeu a se amar através do autoconhecimento. “Você vai vendo que têm muitas coisas legais e que isso é muito mais importante do que um nariz e uma boca. E que a sua arte não tem nada a ver com a estética, tem a ver com a sua originalidade. Tudo isso que eu tinha de baixa autoestima na adolescência usei a meu favor, brinquei com isso, fiz até um personagem que é a Leandra”, disse. “Quero trabalhar até morrer, se eu puder morrer no palco está bom para mim. Não vou ser a vovózinha que vai fazer tricô, não dá para mim. Não quero ser a velhinha da van. Quero ser a velhinha que as velhinhas da van vão ver no teatro”, completa.

No momento, a atriz e o marido, Renê Machado, e a filha Clara estão confinados em casa por causa da pandemia do novo coronavírus. “Já estou há 15 dias em casa com o meu marido e a minha filha, fazendo deveres, reuniões e lives on-line, brincando com a Clara, desengavetando projetos, aproveitando para atualizar séries e escrever meu próximo roteiro de filme”, conta.

“Fora isso, meu foco na quarentena é ajudar quem precisa, fazer movimentos para amenizar a dor de quem não pode parar e pesquisar para divulgar coisas confiáveis que possam levar informação para as pessoas”, acrescenta.

Para o futuro, Ingrid tem planos de rodar um filme ao lado de Tatá Werneck e se prepara para gravar a nova temporada de “Além da Conta – Tem Wi-Fi”. “Fora isso, meu foco na quarentena é ajudar quem precisa, fazer movimentos para amenizar a dor de quem não pode parar e pesquisar para divulgar coisas confiáveis que possam levar informação para as pessoas”, explica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *