Veja quem sai e quem continua preso da Lava Jato com a decisão do STF

Cunha e Sérgio Cabral devem permanecer presos. Saiba aqui a razão

Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil)

A decisão dessa quinta-feira (8) do Supremo Tribunal Federal (STF) que acaba com a condenação em segunda instância pode tirar da cadeia 13 presos da Operação Lava Jato no Paraná.

Entre os condenados que podem deixar a prisão, além do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, estão o ex-ministro petista José Dirceu e o ex-executivo da Engevix Gerson Almada, ambos presos no Complexo Médico-Penal (CMP) de Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba.

Também pode ser beneficiado o ex-diretor da Petrobras Renato Duque, detido na Superintendência da Polícia Federal (PF), em Curitiba, mesmo local que Lula.

O levantamento mostra ainda que outros quatro condenados em segunda instância e que também estão na cadeia permaneceriam presos. Entre eles, o ex-deputado Eduardo Cunha e o ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral.

Eles estão cumprindo penas em regime fechado, semiaberto e aberto, mas também estão presos preventivamente em outras ações.

Presos da Lava Jato que podem deixar a cadeia:

  • Alberto Elísio Vilaça Gomes
  • Enivaldo Quadrado
  • Fernando Antônio Guimarães Hourneaux de Moura
  • Gerson Almada
  • João Augusto Rezende Henriques
  • José Dirceu
  • Julio Cesar dos Santos
  • Luiz Eduardo de Oliveira e Silva
  • Luiz Inácio Lula da Silva
  • Márcio de Andrade Bonilho
  • Pedro Augusto Corte Xavier
  • Renato Duque
  • Sérgio Cunha Mendes

Com informações do G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *