Vereador eleito de Canudos lamenta quadro devastador deixado por prefeito

João Felipe Barbosa

Thalita Bezerra – Ação Popular

Diante das inúmeras irregularidades cometidas pelo atual gestor Arsênio Almeida (PRB), o popular Senoca em Canudos/BA, o vereador eleito João Felipe Barbosa de Almeida (PR), conhecido popularmente como Jota avaliou o quadro político da cidade. “A cidade já estava abandonada antes da eleição e todos nós sabemos que se agravou ainda mais com a derrota do candidato Senoca, a prova disso foi de que os transportes escolares já foram suspensos exatamente porque estavam sendo prestados por terceiros com a esperança de conseguir votos dessas pessoas, não conseguindo votos evidentemente os serviços foram encerrados”.

A obra de revitalização da praça principal está abandonada há quase um ano

Jota diz ainda que durante a gestão de Senoca não foi feito nenhum trabalho em prol da população. “A saúde, a educação, as áreas de lazer e diversas outras já estavam todas em total abandono, somente aquelas pessoas que estavam envolvidas por sentimentos de fanatismo político que não estavam enxergando, mas as pessoas que têm consciência maior no município enxergaram e votaram 60% no candidato da oposição”.

Segundo informações, escolas estão com telefone cortado por falta de pagamento

Insatisfeito com a atual administração, ele denuncia. “Eu não sei se Senoca tem residência fixa aqui na nossa cidade, pois ele já passou por diversas prefeituras na Bahia, na verdade ele vive perambulando de prefeitura a prefeitura por conta disso que ele nunca pensou em fixar residência aqui em Canudos. Sabe-se por terceiros que ele tem um posto de gasolina do qual ele não assina como proprietário e logo-logo deve passar para a mão de outras pessoas, que fique de exemplo para o povo Canudos que daqui a 4 anos outros aventureiros poderão aparecer e as pessoas pense bem antes de votar novamente”.

Praças abandonadas com plantas e gramado morrendo de sede

Por outro lado, Jota afirmou que os canudenses podem esperar dias melhores. “Vamos voltar com a mesma determinação de cumprir sempre aquilo que é função do vereador, eu entendo que o vereador é acima de tudo pago para prestar serviço e não um assistente social de luxo. A nossa eleição o povo decidiu por mudança, eleição está que tínhamos um quadro de vereadores bastante equilibrados com bons candidatos e todos nos já sabíamos disso antecipadamente”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *