Chapa branca: Bolsonaro diz que vai dar entrevista para Augusto Nunes porque eles “têm uma posição muito parecida”

Na saída do Alvorada, o presidente ainda atacou os governadores do Sul e do Sudeste e cumprimentou apoiadores com um “soquinho”

Em conversa com apoiadores na saída do Palácio do Alvorada, o presidente Jair Bolsonaro revelou nesta quinta-feira (2) que vai conceder entrevista ao apresentador Augusto Nunes, da Rádio Jovem Pan, em razão da proximidade política dos dois.

“Hoje, às 19h, eu não vou fazer live e vou ser entrevistado ao vivo pelo Augusto Nunes, da Rádio Jovem Pan, porque é um jornalista que tem uma posição muito parecida com a minha, ou eu parecida com a dele”, afirmou o presidente.

Bolsonaro disse que vai aproveitar a entrevista com um “aliado” para debater sobre o isolamento social e “convencer” governadores a não continuarem sendo “radicais”.

“Olha só, o governador Doria, acabou de fazer um vídeo assinado pelos governadores do Sul e Sudeste agora dizendo que eu sou responsável em resolver o problema de arrecadação dele. O Doria acabou com o comércio no estado e não pediu pra mim, não conversou comigo pra fazer aquela loucura”, afirmou.

“O corpo está doente, vamos dar o remédio. Se for 3 ou 4 vezes a dose a mais, é veneno. E é o que o governador fez em São Paulo, é veneno”, disse ainda. “Eu não vou me responsabilizar por isso”, completou.

Outro fator que chama atenção no vídeo é o cumprimento do presidente. Ao invés de apertar a mão dos apoiadores ele dá um “soquinho”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *