Com sigilo

O Ministério da Saúde impôs sigilo de 10 anos sobre os documentos do processo que decidiu assinar o 2º contrato para comprar vacinas da Pfizer. O novo contrato custou quase R$ 1 bilhão a mais do que o primeiro – apesar de a quantidade de doses ser a mesma. No segundo contrato, o governo vai pagar R$ 66 a dose, em vez de R$ 56,30, como na primeira encomenda.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *