Improdutivo e caro: Sem projetos aprovados, Tum gastou R$ 489 mil na divulgação do mandato na AL-BA

Por Lucas Arraz

Natural de Casa Nova, Tum (PSC) dificilmente é visto no plenário da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), onde é deputado estadual. No entanto, se depender do que o parlamentar gastou de verba pública na divulgação do próprio mandato nos últimos meses, ser reconhecido no estado, não será problema.

Além de improdutivo, o deputado Tum não mostrou para o povo de Casa Nova e região para foi eleito

Tum lidera os gastos em divulgação reembolsados pela verba indenizatória da Assembleia Legislativa da Bahia nessa legislatura. O parlamentar reembolsou R$ 489 mil, entre fevereiro de 2019 a maio de 2020. Maior parte dos pagamentos foram destinados para empresas que produzem material gráfico, outdoors e impressões.

O fundo usado pelo Casa-Novense é abastecido pelos cofres públicos e garantem aos deputados R$ 155 mil por mês para custear despesas com o exercício da profissão. Ao lado de Tum, os deputados já gastaram R$ 16 milhões em divulgação nesta legislatura.

Em nota, o deputado afirmou que a utilização da verba indenizatória para divulgação do mandato está prevista em lei e tais despesas foram utilizadas para prestação de contas à sociedade das atividades desenvolvidas pelo mandato, que tem se destacado de maneira atuante em defesa dos baianos. O deputado ainda não aprovou qualquer projeto de lei na Assembleia Legislativa da Bahia.

Em Brasília, o uso de verba parlamentar virou alvo de contestação do Tribunal de Contas da União (TCU), que questiona a necessidade de se usar dinheiro público para esse fim. A Assembleia já possui outros meios para os deputados divulgarem seus mandatos como a TV Assembleia, a rádio AL-BA e a equipe de jornalismo do Legislativo.

RANKING
Outros aliados do governador Rui Costa completam o ranking de deputados que mais investiram em divulgação dos mandatos nesta legislatura. Em segundo lugar, aparece a deputada Ivana Bastos, com um investimento de R$ 483 mil.

Valores gastos por deputados em divulgação do mandato em 2019-2020 

Em nota, o mandato da deputada declarou que preza pela transparência e clareza nas ações e falou que o dinheiro foi usado amplamente na divulgação de notícias da parlamentar em veículos de comunicação como sites, blogs, jornais impressos e rádios da capital e do interior do estado. “Essas documentações, assim como as notas fiscais são entregues ao setor responsável pela fiscalização e passa por um rígido controle dos recursos utilizados”, diz o pronunciamento.

Enquanto alguns deputados se aproximam do meio milhão de reais gastos com publicidade nesta Legislatura, 42,9% da população baiana como um todo ainda estava abaixo da linha de pobreza em 2018, o que representava 6,3 milhões de pessoas vivendo com menos de R$ 413 por mês.

Em nota, a Assembleia explicou que todos os pedidos de reembolso da verba indenizatória são auditados pelo Departamento de Cotas da casa. Os gastos passam por dupla análise antes de terem a recomendação ou não do pagamento. Confira o ranking dos deputados que mais gastaram com divulgação do mandato em 2019 e 2020. Com informações do BN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *