6 pernambucanos estão entram na lista dos bilionários da Revista Forbes

Por Noelia Brito

A Revista Forbes acaba de divulgar sua Lista anual de bilionários brasileiros. A lista, segundo a Revista, segue os mesmos critérios da Forbes americana, tendo as Bolsas de Valores como a principal fonte de informação. Ainda segundo a publicação, não são considerados patrimônios pessoais por não serem dados públicos, diferentemente do que ocorre com os dados das Bolsas de Valores.

 

A lista de bilionários brasileiros saltou de 206, em 2019, para 238 bilionários, em 2020. Em 2012, o Brasil tinha 72 bilionários.

Os bilionários brasileiros somaram, juntos, em 2020, R$ 1,6 trilhão. Os bilionários cearenses somam R$ 74,60 bilhões, ficando atrás apenas de São Paulo, com R$ 510,37 bilhões, Rio de Janeiro, com R$ 424,46 bilhões e Santa Catarina, com R$ 74,60 bilhões. Pernambuco vem em décimo, com a soma do patrimônio dos bilionários pernambucanos chegando a R$ 12,62 bilhões.

Capa da Revista Forbes, que traz lista com os 200 bilionários brasileiros

Vejam as listas dos bilionários cearenses, pernambucanos e paraibano, segundo a ordem nacional de classificação da Forbes:

Ceará

1) 11º. Candido Pinheiro Koren de Lima – Saúde – Médico fundador do HapVida, R$ 17,68 Bilhões

2) 51º. Candido Pinheiro Koren de Lima Junior – Saúde – Acionista do HapVida – R$ 8,56 bilhçoes

3) 51º. Jorge Fontoura Pinheiro Koren de Lima – Saúde – Acionista do Hapvida – R$ 8,56 bilhões

4) 58º. Ari de Sá Cavalcanti Neto e Família – Educação – Arco Educação – R$ 7,53 bilhões

5) 61º. Mario Araújo Alencar Araripe – Energia Eólica – Casa dos Ventos – R$ 7,30 bilhões

6) 80ª. Maria Consuelo Leão Dias Branco – Alimentos – M. Dias Branco – R$ 6.05 bilhões

7) 99º. Francisco Deusmar de Queiroz e Família – Farmacêutico – Grupo Pague Menos – R$ 4,3 bilhões

8) 111º. Amarílio Proença de Macedo e Família – Alimentos – Grupo J. Macêdo , R$ 3,8 bilhões

9) 125º. Carlos Francisco Ribeiro Jereissati e Família – Telecomunicações – R$ 3,12 bilhões

10) 193º. José Bezerra de Menezes Neto e Família – Setor Financeiro – Bic Corretora – R$ 1,55 bilhão

11) 217º. Everardo Ferreira Telles e Família – Etanol, T|urismo e Energia Eólica – Grupo Telles (Ex-Ypioca) – R$ 1,25 bilhão

12) 221º Francisco Claudio Saraiva Leão Dias Branco – Alimentos – M. Dias Branco – R$ 1,22 bilhão

13) 221º Francisco Ivens de Sá Dias Branco Junior – Alimentos – M. Dias Branco – R$ 1,22 bilhão

14) 221º Francisco Marcos Saraiva Leão Dias Branco – Alimentos – M. Dias Branco – R$ 1,22 bilhão

15) 221º Maria das Graças Dias Branco da Escóssia – Alimentos – M. Dias Branco – R$ 1,22 bilhão

16) 221º Maria Regina Saraiva Leão Dias Branco Ximenes – – Alimentos – M. Dias Branco – R$ 1,22 bilhão

Cândido Pinheiro (à direita), fundador e presidente do Conselho de Administração do Hapvida, durante a cerimônia que marcou a chegada da empresa à bolsa brasileira, em 2018 – Imagem: B3

Pernambuco

1) 145ª. Lisiane Gurgel Rocha – Indústria e Varejo de Moda – Grupo Guararapes/Riachuelo – R$ 2,51 bilhões

2) 148º. Elvio Gurgem Rocha – Indústria e Varejo de Moda – Grupo Guararapes/Riachuelo – R$ 2,47 bilhões

3) 149º. Flavio Gurgel Rocha – Indústria e Varejo de Moda – Grupo Guararapes/Riachuelo – R$ 246bilhões

4) 160º. Antônio Augusto de Queiroz Galvão – Construção Civil/Petróleo e Gás – Enauta (antigo Grupo Queiroz Galvão) – R$ 2,2 bilhões

5) 178ª. Anita Louisa Regina Harley – Varejo – Casas Pernambucanas – R$ 1,85 bilhão

6) 230º. Paulo Sergio Freire Macedo e Família – Segurança Privada – Grupo Nordeste

José Janguiê Bezerra Diniz, dono do grupo Ser Educacional, é o único empresário da Paraíba a entrar na lista.

Paraíba

1) 143º. José Janguiê Bezerra Diniz – Educação e Setor Imobiliário – Ser Educacional – R$ 2,65 bilhões

Ainda de acordo com o levantamento da Forbes, além do Ceará, de Pernambuco e da Paraíba, apenas o Maranhão, entre os Estados nordestinos, apresenta um bilionário. Trata-se de Ilson Mateus, do Grupo Mateus, do ramo de Supermercados, que aparece como o 9º bilionário mais rico do Brasil, com R$ 20 bilhões. São Paulo aparece com 99 bilionários, o Rio de Janeiro, com 34, Minas Gerais, com 24 e Santa Catarina, com 18.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *