Feitosa pede que deputados assinem CPI sobre Caso Beatriz

 

Para que uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) sobre o Caso Beatriz seja aberta, são necessárias 17 assinaturas pelo menos na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe). O deputado estadual Alberto Feitosa (PSC), que é do grupo de oposição, foi convidado pelo deputado Romero Albuquerque (PP) para ser coautor da proposição.

“Eu faço um apelo aos colegas deputados que se sensibilizem com a dor dessa mãe e desse pai que só querem esclarecer o crime da filha e fazer valer a Justiça”, apelou Feitosa aos demais parlamentares.

Até o momento, oito deputados assinaram pela abertura da CPI. A Alepe tem um total de 49 parlamentares. (Magno Martins)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.