Agente usa helicóptero da polícia para filmar sexo

Outras pessoas foram flagradas em momento íntimo pelas câmeras de alta qualidade da aeronave

Wikimedia CommonsAdrian Pogmore, de 51 anos, foi condenado, na última terça-feira (8), a um ano de prisãoWikimedia CommonsA ousadia de um agente da polícia inglesa foi ao céu, literalmente. Isto porque o ex-atuante da Unidade de Apoio Aéreo da Polícia do Sul de Yorkshire passou a utilizar o helicóptero da corporação para flagrar pessoas em sua intimidade. Mulheres tomando sol nuas e casais praticando sexo foram registradas propositalmente por esse policial através das câmeras de alta qualidade da aeronave.

As investigações concluíram que ele fez os registros enquanto pertencia à Unidade, entre os anos de 2007 e 2012, no entanto, só agora o tribunal de Sheffield condenou a um ano de prisão de Adrian Pogmore, de 51 anos. A uma altura de 300 metros, ele fazia os registros e foi desmascarado após filmar um casal fazendo sexo que teria se exibido para o agente – eles já se conheciam de um clube de swing em Sheffield. Em seguida, receberam uma cópia do vídeo e outra foi guardada na residência do agente. O vídeo foi descoberto pela namorada do autor das imagens e ele foi denunciado.

Segundo a imprensa europeia, várias imagens foram encontradas em posse do ex-agente. As pessoas eram captadas dentro das suas próprias casas ou em momento de descontração ao lado da piscina. Ele foi considerado como tendo se sentido “acima da lei” e foi apontado como “obcecado por sexo” pelo juiz Peter Kelson. Ele foi condenado, na última terça-feira (8), a um ano de prisão. Outros dois agentes também foram investigados, mas foi alegado que ambos são inocentes e não tinham conhecimento da postura de Pogmore.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *