Argentina contra dá calafrios na indústria brasileira

Apesar de a ala ideológica do governo advogar pela revisão do Mercosul, caso a chapa de Cristina Kirchner vença a eleiçãona Argentina, um eventual rompimento com o vizinho provoca calafrios na indústria.

Dar as costas à Argentina, alega uma liderança empresarial, seria entregar um mercado cativo de produtos industriais brasileiros para a China.

Mesmo com os sinais de que deve ser sacado do comando do Coaf, Roberto Leonel segue na mira de integrantes do STF e do Judiciário. Esse grupo suspeita de que o chefe do órgão é o elo do trânsito irrestrito de dados sem aval da Justiça entre o conselho, a Receita e a força-tarefa da Lava Jato de Curitiba. (Painel)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *