Coordenação médica da UPAE/IMIP de Petrolina se reúne com equipes da atenção básica de Petrolina

Com o objetivo de esclarecer o perfil de serviços, melhorar os fluxos e a assistência à saúde da população de Petrolina e região, a coordenadora médica da Unidade de Pronto Atendimento e Atenção Especializada (UPAE/IMIP), Bruna Spíndola, se reuniu nesta terça-feira (12) com as equipes da atenção básica do município.

O encontro aconteceu na Secretaria de Saúde e durou boa parte da manhã. A iniciativa faz parte da ação de alinhamento da rede básica e atenção secundária, solicitada pela UPAE. “Aproveitamos o encontro mensal que eles já realizam para fazer a nossa participação. O resultado foi muito positivo”, garante Bruna.

A coordenadora começou a sua fala esclarecendo a principal diferença entre UPA 24h (urgência e emergência clínica/odontológica) e UPAE (especialidades), depois pontuou gargalos, perda primária de consultas, falta de referência nos encaminhamentos, entre outras dificuldades enfrentadas pela Unidade que (assim como os demais serviços públicos de saúde pelo Brasil) encontra-se superlotada e atuando acima da sua capacidade instalada.

 “Acredito que esse afinamento veio em boa hora, até porque nós todos temos que parar de achar culpados e focar nas soluções. O sistema de saúde público é falho, a Rede de Saúde Pernambuco/Bahia [PEBA] é deficitária, e nós temos que trabalhar em cima dessa realidade, buscando fazer o melhor possível sempre”, defendeu.

Na oportunidade, a coordenadora médica também ouviu as demandas provenientes das equipes e sugestões foram pontuadas em ata. “A intenção é melhorar a assistência à saúde como um todo e para isso todos nós temos que ser parceiros. Somente unindo forças nós conseguiremos resultados diferentes”, acredita Bruna.

A médica espera que os encontros não parem no desta semana. “Temos que tornar isso periódico. Sempre que a UPAE for chamada estará presente e, toda vez que possível, provocará novos momentos como esse”, finalizou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *