Óculos falsificados podem causar câncer e são mais nocivos em crianças

Por TV Jornal

Reprodução/TV Jornal

Os óculos escuros, acessório indispensável no verão, ajudam a proteger os olhos da claridade e dão um charme a mais com os seus variados formatos. Porém, o uso de produtos pirateados, além de não proteger, traz sérios problemas à visão, principalmente em crianças.

Na praia de Boa Viagem, uma das mais movimentadas da Zona Sul do Recife, não é difícil encontrar pessoas utilizando óculos escuros. Nessa época do ano, o ambiente é ideal para que haja um comércio de produtos sem procedência. Os óculos podem ser encontrados facilmente com preços variados, que vão de R$ 10 a R$ 30.

De acordo com a oftalmologista Ana Karina Téles, a exposição excessiva com um óculos falsificado pode provocar até câncer nos olhos. “Muita gente associa a exposição na praia ao câncer de pele, mas pode aparecer no olho também”, contou, reforçando que nas crianças o risco de doenças é ainda maior.

Dicas

Para a oftalmologista Ana Karina Téles, é importante sempre proteger os olhos, independente do dia está nublado ou com sol. “A dica é procurar os óculos em locais com certificados de garantia. Eles vêm com selo obedecendo a (ABNT) NBR 15.111, que regula a quantidade de radiação que é transmitida por essas lentes. Esses óculos a gente encontra na óticas”, contou a especialista.

A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABN), na NBR 15.111, citada pela oftalmologista Ana Karina Téles, estabelece as características físicas dos óculos de proteção solar que se destinem à proteção da radiação. A norma fala, também, dos requisitos para filtros de observação direta do sol.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *