Substituto de Moro condena Vaccari e Duque a prisão por lavagem de dinheiro

João Vaccari Neto, Luiz Antônio Bonat e Renato Duque

247 – O ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto e o ex-executivo da Petrobras Renato Duque foram condenados na última sexta-feira (26) pela 13ª Vara de Curitiba por lavagem de dinheiro.

Vaccari foi condenado a seis anos de prisão e Duque a três. A dupla pode recorrer em liberdade. A denúncia baseou-se na delação de Augusto Ribeiro de Mendonça Neto. Ambos teriam lavado o total de R$ 2,4 milhões entre abril de 2010 e dezembro de 2013.

A sentença foi dada pelo juiz federal Luiz Antônio Bonat, substituto do ex-juiz Sergio Moro.

Vaccari e Duque foram condenados também a restituírem a Petrobras em R$ 2,4 milhões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *