A máquina de fake news e a política genocida de Bolsonaro

Não é de hoje que Bolsonaro mente para sustentar suas próprias convicções. Desde os tempos de Câmara, o deputado distorcia e omitia informações para para defender a ditadura militar e suas posições torpes sobre o machismo, a misoginia e a homofobia. A diferença é que agora Bolsonaro aparelhou órgãos do estado para criar uma máquina […]

Não é de hoje que Bolsonaro mente para sustentar suas próprias convicções. Desde os tempos de Câmara, o deputado distorcia e omitia informações para para defender a ditadura militar e suas posições torpes sobre o machismo, a misoginia e a homofobia.

A diferença é que agora Bolsonaro aparelhou órgãos do estado para criar uma máquina para embasar suas fake news.

O caso de Alexandre Figueiredo Costa Silva Marques, amigo de Carlos, Flávio e Eduardo, é notório. O pai, formado junto com Bolsonaro na Aman, ganhou cargo no setor de inteligência da Petrobras, que se tornou mais um órgão da aparelhagem de Bolsonaro.

Para falar desse e de outros assuntos, o Fórum Café recebe nesta quinta-feira (10) o ex-ministro da Saúde e deputado federal, Alexandre Padilha (PT-SP).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *