Candidata do PL orienta fiscal a intimidar mesário e não entregar celular em SP

Cleonice de Oliveira (PL), conhecida como “Dra. Cléo” , distribuiu crachás de fiscais a apoiadores de Jair Bolsonaro (PL)

www.brasil247.com - Cleonice de Oliveira (PL), conhecida como Dra. Cléo
Cleonice de Oliveira (PL), conhecida como Dra. Cléo (Foto: Reprodução (Facebook))

A candidata a deputada federal Cleonice de Oliveira (PL), conhecida como “Dra. Cléo”, está orientando fiscais eleitorais a intimidarem mesários na eleição deste domingo (2). Ela distribuiu crachás de fiscais a apoiadores de Jair Bolsonaro (PL) e do candidato a governador Tarcísio de Freitas (Republicanos) durante manifestação de 7 de setembro na Avenida Paulista, em São Paulo.

De acordo com informações publicadas pelo portal Uol, a credencial distribuída tinha o símbolo do PL e podia ser preenchida com informações como nome, local de votação e assinatura. Mas a legislação determina que, nos crachás usados nos trabalhos de votação, poderá constar somente o nome do fiscal e a sigla do partido. A credencial do também tinha um número de WhatsApp de Cléo.

Cleonice afirmou que o suposto candidato que o plano é “intimidar mesários a não fazer besteira”. “Ninguém pode pôr a mão no nosso celular, só a polícia. Nenhum mesário tem o poder de polícia para colocar a mão nos nossos celulares. É isso que você [fiscal] irá orientar para todo mundo. Se alguém [mesário] ousar querer tirar o celular da mão das pessoas, você vai dizer que ‘ele não tem poder para isso'”, disse.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.