Exercícios físicos ajudam na prevenção da osteoporose

Os ossos dão estabilidade, proteção, equilíbrio e força. Dependemos deles para a realização de qualquer atividade e funcionamento de nossos músculos, órgãos e movimentos. O problema é que, quando a massa óssea começa a diminuir, deixa a nossa estrutura mais fina, sensível e fraca: é a osteoporose. E é importante saber que os hábitos de vida influenciam diretamente na saúde da massa óssea. A osteoporose aumenta a suscetibilidade de ocorrer uma fratura, podendo ser causada não só por quedas, mas também por movimentos corporais simples, como se curvar e tossir. A atividade física aumenta a força muscular sobre os ossos, sendo um estímulo fundamental para a manutenção e o aumento da massa óssea.

Os exercícios físicos devem ser realizados de forma regular três vezes por semana, com intervalo entre as sessões de 24 a 48 horas. É muito importante que esses exercícios sejam realizados com o paciente suportando o seu próprio peso, em função da força que os músculos exercem sobre os ossos da coluna e dos membros inferiores. “O benefício primário da atividade física é evitar a perda óssea que ocorre com a inatividade, o que de certa maneira pode reduzir o risco de fraturas. Fazer exercícios e manter uma dieta balanceada são fundamentais para prevenir essa doença”, explica Danillo Santana, Coordenador Geral, na Rede Alpha Fitness. Entretanto, Danillo alerta que é fundamental consultar um ortopedista antes de qualquer conduta. Esse profissional pode aconselhar qual o tipo de exercício, frequência e intensidade em que deverá ser feito para estimular a formação de massa óssea.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.