Luiz Vicente convida população para cerimônia de posse em Sobradinho

Luiz Vicente

Grazzielli Brito – Ação Popular

O prefeito eleito de Sobradinho, Bahia, Luiz Vicente Berti (PDT), tomará posse do cargo de chefe do poder executivo municipal, no dia primeiro de janeiro de 2013, às 09:00 h, na Câmara Municipal de Sobradinho. A função que assumirá a partir desta data lhe foi confiada pela grande maioria dos eleitores da cidade, que acreditam e sonham com o desenvolvimento desse município, tão promissor e jovem quanto seu próximo gestor.

Logo após a solenidade de posse o então prefeito receberá da atual gestão a chave da cidade no paço municipal, onde acontecerá também o hasteamento das bandeiras. Convidando a população para essa cerimônia, Luiz Vicente conta que vai ser servido um coquetel aos presentes. “É um dia de muita alegria, que vamos celebrar sim, mas a grande festa está programada para o dia 24 de fevereiro, que é aniversário de Sobradinho”.

Ao falar de suas intenções à frente da prefeitura, Luiz Vicente sempre lembra que este será seu primeiro mandato, que ainda é jovem e que pretende continuar sua vida política. Portanto, fará de tudo para que essa gestão seja muito positiva para o município e para sua carreira política. Usando uma frase que relaciona bem suas aspirações e as do povo de Sobradinho disse: “O sonho é a bússola do desenvolvimento”.

Prioridades e desafios

A jovem cidade completará seus 24 anos de fundação, se recompondo de uma administração nefasta, que reúne inúmeras denúncias de doações irregulares de terrenos, efetivações, obras inacabadas, entre outras. “Esse quadro de irregularidades a gente tem que mencionar para toda a população, logo após a realização de auditoria, porque aí sim teremos um cenário mais claro de como município se encontra. O município é carente de muitas coisas e vou realizar melhoria em cada segmento, não vou priorizar apenas um para elevar o nome do gestor, a prioridade é a população como um todo”.

Consciente de seus desafios, Vicente dá informações a respeito das perdas na receita do município. “Teremos uma perda de 600 mil no ICMS, de 280 mil no FPM, é um município praticamente não recebe royalties, a maior receita de Sobradinho é o ICMS, que terá grande perda”. Para lidar com isso o futuro prefeito tem uma ideia clara do que Sobradinho representa para o estado e para o país. “É necessário que se reforce a importância desse município, que é um grande gerador de energia, em um país que está passando uma crise nesse aspecto, é uma cidade rica nesse setor, a energia é vital e não podemos ficar a margem desse desenvolvimento. Isso precisa ser retribuído”.

Sobre o orçamento apresentado pela atual gestão para o próximo ano, que foi apresentado à câmara, Luiz Vicente lamentou. “O orçamento tem muitas falhas, muitos erros. Em uma rápida leitura, podemos identificar orçamentos para determinadas secretarias que não dá pra pagar nem os funcionários. A lei, infelizmente, permite que a administração atual elabore o projeto de ação orçamentária pra a gestão subsequente. Dessa forma ele se torna um entrave para a próxima gestão”.

Em relação à composição de seu governo deixou claro. “Os onze partidos que fazem parte desse projeto participaram junto conosco. Uma gestão democrática passa por isso, mas estaremos atentos a cada pessoa indicada e seu perfil pra que a população não venha sofrer qualquer tipo de dano em virtude de acordos políticos. O interesse da população deve se sobrepor a tudo isso”.

“Tenho bom trâmite no poder legislativo e no judiciário. Meu papel no executivo vai ser de estar sempre de braços abertos para discutir com os outros poderes todas as questões isso é a soberania da democracia”, declarou Vicente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *