PSB não pedirá cassação de deputados por infidelidade partidária

psb

O PSB não irá à Justiça reclamar o mandato do deputado federal e ex-jogador de futebol, Romário (RJ), que se desligou do partido na última quinta-feira alegando que passou 1 ano e meio tentando falar com o governador de Pernambuco e presidente nacional da legenda, Eduardo Campos, e não conseguiu.

Segundo a revista “Veja”, o governador fez um acordo com o mandachuva do PR, senador Alfredo Nascimento (AM), partido que deve abrigar Romário.

Pelo acordo, o PR também não irá à Justiça para reclamar o mandato do senador Vicentinho Alves, que irá filiar-se ao PSB para disputar o governo de Tocantins. (Inaldo Sampaio)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.