Dormindo com o inimigo

Opinião

A versão política e eleitoral do filme “Dormindo com o inimigo” parece já ter se incorporado fortemente aos bastidores da campanha dos candidatos da Frente Popular – Danilo Cabral, governador (PSB), Luciana Santos, vice (PCdoB) e Teresa Leitão, senadora (PT).

Tudo porque os candidatos proporcionais a deputados federal e estadual de todas as legendas que formam a Frente Popular, com raríssimas exceções, são flagrados fazendo campanha em faixa própria, sem associar suas imagens a Danilo e aos 5% de tendência de voto que ele vem patinando em todas as pesquisas de opinião pública.

As páginas das redes sociais dos principais nomes que disputam uma vaga na Câmara Federal e na Assembleia Legislativa de Pernambuco têm evitado colar suas candidaturas à campanha da chapa majoritária da Frente Popular, temendo, talvez, perder seguidores e eleitores. Foi o que o blog comprovou até a edição desta coluna.

A página do presidente estadual do PSB, Sileno Guedes, candidato a deputado estadual, fez sua última postagem tendo Danilo como foco em 23 de julho passado, mas sequer publicou postagens convocando sua militância para a convenção oficial do candidato a governador do próprio partido, hoje à tarde, no Clube Português.

O perfil oficial do candidato socialista a deputado federal Pedro Campos (@pedrocampospe) expõe postagens com o pai Eduardo, a mãe Renata, os irmãos João, José, Eduarda e Miguel e nada de Danilo, Luciana e Teresa. Pedro até postou um card dias atrás no feed convocando para a convenção de logo mais, sem, entretanto, as imagens dos candidatos majoritários.

Os candidatos a deputado federal Felipe Carreras (@felipecarreras), Eriberto Medeiros (@eriberto.medeiros) e Tadeu Alencar (@tadeualencarpe), todos do PSB, também só têm feito postagens sem a presença de Danilo. O mesmo ocorre com os demais candidatos dos outros partidos como PP de Dudu da Fonte (@dududafonte), PCdoB de Reinildo Calheiros (@renildocalheiros) e PT de Liana Cirne (@lianacirne).

Nada de Danilo Cabral, Luciana Santos e Teresa Leitão nas páginas dos candidatos a deputado estadual Aglailson Victor (@aglailson_victor), Waldemar Borges (@waldemar_borges), Marco Aurélio (@marcoaureliomeuamigo), Simone Santana (@simonesantanape), todos do PSB, dentre outros, como o petista João Paulo (@joaopaulodopt), Clovis Paiva (@clovispaivaoficial) e Antônio Moraes (@deputadoantoniomoraes) do PP.

Quando o nome de Danilo entrou no cenário da sucessão estadual, depois que o ex-prefeito Geraldo Júlio foi rifado como candidato natural, confidenciou a interlocutores e amigos, em dezembro de 2021: “Esse Maracatu está mal ensaiado. Corro o risco de chegar à Convenção, ser oficializado, fazer a clássica foto com todo mundo posando de mãos dadas e depois, no dia seguinte, cada um vai cuidar de suas campanhas e eu vou ficar abandonado à própria sorte. Já vi esse filme antes”, dizia Danilo, inseguro das verdadeiras intenções das lideranças do PSB.

“Dormindo com o inimigo”, para quem não viu, trata-se de um longa-metragem da década de 1990 estrelado por Julia Roberts. E a expressão foi cunhada no mundo significando quando se está muito inocente, negligente e ludibriado dentro da sua própria casa.

Por: Magno Martins

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.