Namorado de Fátima Bernardes é nomeado para órgão no governo Paulo Câmara

Foto: Reprodução/Instagram
Foto: Reprodução/Instagram

 

Filiado ao PDT, o nome do novo namorado de Fátima Bernardes, Túlio Gadelha, foi publicado no Diário Oficial desse sábado (11) para assumir a presidência do Instituto de Terras e Reforma Agrária do Estado de Pernambuco (Interpe). O órgão é vinculado à Secretaria de Agricultura da gestão Paulo Câmara e pertence à cota do partido do socialista.

A cerimônia de posse será discutida nesta segunda-feira (13) entre o secretário de Agricultura, Wellington Batista (PDT) e o próprio Gadelha.

Foto: Reprodução

A pasta foi uma das que entraram na “dança das cadeiras” de Paulo Câmara para fortalecer a aliança com a sigla em 2018. O governador de Pernambuco retirou seu aliado Antônio Figueira da Casa Civil e o nomeou para a chefia da Assessoria Especial, dando espaço a uma aliança com o PDT.

Nilton Mota, do PSB, assumiu o lugar de Figueira e deixou a pasta da Agricultura para o pedetista Wellington Batista. José Neto, que estava no lugar que agora é de Figueira, assumiu a secretaria-executiva da Casa Civil.

Vida política do namorado de Fátima Bernardes

Mas o jovem de 29 anos que conquistou o coração da apresentadora não teve muito sucesso na política no passado. Túlio Gadelha já se candidatou duas vezes mas não foi eleito em nenhuma delas. A primeira em 2012 como vereador do Recife, em que recebeu 1.471 votos; e nas eleições de 2014, em que foi candidato a deputado federal em que teve apenas 3.495 votos.

Gadelha é formado em direito pela Universidade católica de Pernambuco e também presidente da Juventude Socialista do PDT-PE. Em suas redes sociais, Gadelha expõe seus posicionamentos políticos e faz oposição ao governo do presidente Michel Temer (PMDB).

“Fora, Temer”, “Diretas Já”, democratização dos meios de comunicação e “Globo Golpista”, são algumas das expressões que o novo namorado de Fátima Bernardes usa nos seus perfis. A foto de capa do seu Facebook mostra o político sentado na rampa do Congresso com um cartaz pedindo “Diretas Já”.

Em fotos também postadas em sua conta no Facebook, o advogado aparece ligado a movimentos sociais, como a Central Única dos Trabalhadores (CUT), a Federação Única dos Petroleiros (FUP), o movimento LGBT e o Ocupe Estelita, além dos atos em defesa da ex-presidente Dilma Rousseff (PT).

Já na sua conta no Instagram, fotos de manifestações pró-Dilma são frequentes, além de uma imagem recente publicada pelo político ao lado do pré-candidato a presidência da República pelo PDT, Ciro Gomes.

Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *